Especial

Adeus ao cinema mudo

A primeira sala a passar filmes sonoros na América Latina ficava na Avenida Brigadeiro Luís Antonio

Por: Daniel Bergamasco, Mariana Barros, Rachel Verano, e Maurício Xavier [colaboraram Ricky Hiraoka, Carolina Giovanelli e Arnaldo Lorençato] - Atualizado em

Cine Marabá - Mistérios da Cidade
Cine Marabá: espaço concentrou algumas das mais charmosas salas da cidade durante os anos 40 e 50 (Foto: Reprodução)

Em 29 de abril de 1929, no então número 79 da Avenida Brigadeiro Luís Antônio, foi aberta a primeira sala de cinema sonoro da América Latina, o Cine-Teatro Paramount — o Bijou, na Rua São João, de 1907, foi o pioneiro, mas só exibia cinema mudo. Os anos de glória se acabaram com um incêndio em 1969. Reformado, o velho Paramount se tornou em 2001 o Teatro Abril, que no ano passado mudou de nome para Teatro Renault. A seguir, o destino de alguns outros antigos complexos e o ano em que foram inaugurados:  

Cine Marrocos, 1951 (Rua Conselheiro Crispiniano, 344): Em processo de desapropriação, deverá sediar um teatro e a Secretaria Municipal de Educação

 Cine Metrópole, 1964 (Avenida São Luís, 187): É agora o espaço de eventos Grand Metrópole

Cine Marabá, 1945 (Avenida Ipiranga, 757): Foi reinaugurado em 2009 após um período fechado para reformas

Cine Ipiranga, 1943 (Avenida Ipiranga, 786): Fechado desde 2005, está em processo de desapropriação para virar um cinema municipal

 

 

+ Confira mais curiosidades em nosso mapa interativo da cidade

+ Aconteceu bem aqui: curiosidades que marcaram os 459 anos da metrópole

Fonte: VEJA SÃO PAULO