Saúde

Como escolher, manipular e armazenar alimentos

Equipe percorre feiras ensinando consumidores

Por: Filipe Vilicic - Atualizado em

Sabia que as frutas da estação são até 50% mais baratas que as outras? E que dá para aproveitar a casca do maracujá para fazer doce? Essas são algumas das dicas que profissionais do Conselho Regional de Nutricionistas vêm dando aos paulistanos em feiras livres. Desde o dia 19 de maio, uma equipe do conselho aborda os clientes de barracas com sugestões para ajudar em sua compra. "Incentivamos o consumo de frutas, legumes, verduras e pescados da época, destacando o valor deles para a alimentação", explica a nutricionista Lúcia Helena Lista. "A maioria não sabe o que é rico em fibras ou em vitaminas."

Na abordagem, os nutricionistas oferecem um folhetinho com o calendário de safras, que relaciona os produtos específicos de cada mês. Em junho, por exemplo, é a temporada de carambola, kiwi, abóbora e agrião. "Sinto falta de informações para me alimentar de forma saudável", diz a comerciante Graziela Franco do Amaral, que conheceu a equipe no último dia 2, em uma feira na Vila Madalena. O calendário traz ainda receitas feitas com partes normalmente descartadas dos alimentos, como um assado de casca de chuchu, além de instruções de armazenamento de frutas, hortaliças, carnes vermelhas, peixes e ovos.

O projeto percorre, até o dia 10 de julho, 31 feiras da capital, sempre entre terça e sexta, a partir das 9 horas. "Buscamos patrocinadores para ir a cidades do interior", conta a nutricionista Olga Maria Amancio, presidente do conselho. Na próxima semana, a equipe visitará quatro pontos da Zona Sul, incluindo um no Ibirapuera e outro na Vila Mariana. Depois passará pelo centro e pelas zonas Oeste, Leste e Norte.

Sugestões saudáveis

- Escolha prioritariamente frutas da estação, que são mais baratas e, normalmente, mais frescas.

- Para limpar folhas, como alface e acelga, lave, mergulhe em solução clorada (uma colher de sopa de água sanitária própria para desinfecção de alimentos para 1 litro de água), deixe secar e guarde na geladeira em caixas ou sacos plásticos.

- Coloque o ovo em uma vasilha com água fria para verificar se não está estragado. O correto é ele afundar.

- Não descongele peixes em temperatura ambiente. Use a geladeira ou o micro-ondas.

- Sempre lave as mãos antes de manipular os alimentos.

Fonte: Conselho Regional de Nutricionistas

Fonte: VEJA SÃO PAULO