FESTIVAL

Comida di Buteco 2014: bares participantes no Centro

Conheça os estabelecimentos localizados na região central da cidade que participam do evento entre 11 de abril e 11 de maio

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Comida Di Buteco 2014 - Sotero Cozinha Original
Sotero Cozinha Original: escondidão arrochado (Foto: Divulgação)

Entre 11 de abril e 11 de maio, os cinquenta bares que participam da terceira edição do Comida di Buteco brigam pelo título de melhor petisco da cidade. A eleição é feita unindo o gosto do público, que avalia os tira-gostos depositando seu voto em uma urna no estabelecimento, e de um júri formado por especialistas.

+ 50 bares concorrem ao prêmio de melhor petisco no Comida di Buteco

Para o bar participar, é preciso criar uma receita inédita. Abaixo, confira uma lista com  os dez participantes do Centro da cidade:

Amigo Leal: embaixo do Minhocão, o bar tem a fachada como a de um chalé alpino e a as paredes internas revestidas de madeira. Concorre com o bolinho de eisbein recheado com joelho de porco, chucrute e creme de maionese (R$ 5,00).

Bar do Amigo Gianotti: no Bixiga, esse boteco das antigas serve cerveja gelada em garrafa e é famoso pelas fogazzas. Disputam os bolinhos sicilianos feitos com arroz arbório, provolone e outros queijos (R$ 40,00).

Bar do Mané: está no Mercado Municipal de São Paulo desde 1933, ano de inauguração. É famoso pelo sanduíche de mortadela que leva até 300 gramas do embutido. O petisco concorrente é o pastel da casa com recheio de peito de peru, tomate seco, catupiry e um tempero especial (R$ 16,00).

Comida Di Buteco 2014 - Amigo Leal
Amigo Leal: bolinho de eisbein (Foto: Divulgação)

Del Mar: fundado em 1982, o bar se dedica à cozinha espanhola com pratos preparados pelo chef Rodrigo Maia. A lula recheada é o tira-gosto concorrente. É servida com alho poró, pão preto e vinho branco (R$ 20,00). 

Esquina Grill do Fuad: sem frescuras, o restaurante-boteco tem, além das cervejas, uma seleção de cachaças como a catarinense Solar. Concorre com a fraldinha da casa assada na abrasa e servida na tábua com molho especial, cebola frita e mandioca (R$ 34,90). 

Lins Sushi: inaugurado em 2009, o restaurante de comida oriental localizado na Barra Funda tem como destaque a anchova grelhada. Na disputa, porém, aparece a tilapia empanada em tiras na companhia dos molhos de maracujá picante, tártaro e picles (R$ 32,90).

Frutos do Mar Prainha: com ambiente simples e cara de botequim tem um balcão de acepipes onde aparecem polvo a vinagrete, sardinha e escabeche. A lula à dorê está concorrendo. É servida empanada na companhia de um molho tártaro (R$ 36,00).

Comida Di Buteco 2014 - Del Mar
Del Mar: lula recheada (Foto: Divulgação)

Prainha Paulista: próximo à Avenida Paulista, a casa tem mais de quarenta anos. Mistura de bar com restaurante, serve drinques, chopes e cervejas (long necks e garrafas com 600 mililitros). Concorre com um bolinho de salmão com cream cheese e molho tártaro (R$ 29,90).

Rancho Nordestino: no cardápio cheio de sugestões com cara de interior, aparecem versões do baião de dois, carne de sol e caldos como o de mocotó. O prato que está concorrendo leva o nome de paçoca, uma carne de sol desfiada e frita na manteiga de garrafa com cebola e farinha (R$ 37,90).

Sotero Cozinha Original: especializado em comida baiana e com cara de boteco, o restaurante serve o escondidão arrochado (R$ 22,00) no festival. As carnes de sol e de fumeiro são puxadas com manteiga de garrafas e cobertas com purê de mandioca com queijo coalho.

Fonte: VEJA SÃO PAULO