Acidente

Colisão frontal deixa um morto na Avenida Rubem Berta

Motorista embriagado dirigiu por 2 quilômetros na contramão antes de acertar veículo de frente

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Acidente Ruben Berta
Uma pessoa morreu em acidente na Avenida Rubem Berta no domingo (28) (Foto: Luiz Guarnieri/Brazil Photo Press/Folhapress)

Uma colisão frontal entre dois veículos provocou uma morte neste domingo (28) na Avenida Rubem Berta, na Zona Sul. O assessor legislativo Domingos Souza de Jesus morreu depois que seu Fiat Uno bateu de frente com um Chevrolet Agile dirigido pelo jornalista Denilson Lucio de Oliveira, que trafegava na contramão.

+ As últimas notícias da capital

O teste do bafômetro em Oliveira indicou o consumo de álcool. Em depoimento, ele admitiu ter bebido em uma casa noturna no bairro da Liberdade, na região central. Preso em flagrante, foi indiciado sob suspeita de homicídio doloso (com a intenção de matar), tentativa de homicídio e embriaguez ao volante.

Uma testemunha disse aos agentes ter visto o veículo trafegando pela contramão por cerca de 2 quilômetros da Avenida Rubem Berta. Oliveira disse que só descobriu que estava no lado errado da pista no hospital, para onde foi levado após o acidente. Em seu carro, a polícia encontrou um cachimbo e indícios do uso de cocaína.

Outros quatro integrantes da família ocupavam o outro veículo, mas nenhuma se feriu com gravidade. Morador de Embu das Artes, na Grande São Paulo, Jesus era casado e tinha três filhos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO