Memória Paulistana

Santo Américo completa sessenta anos

Fundado em 1951, colégio que hoje está no Morumbi já foi exclusivamente masculino

Por: Mauricio Xavier [Com reportagem de Catarina Cicarelli e Isabella Villalba]

Santo Américo - 2206
Santo Américo em 1953: exclusivamente masculino e com 359 alunos (Foto: Acervo Colégio Santo Américo)

Em 1953, dom Emílio Jordán (ao fundo da foto, de preto), o primeiro reitor e um dos nove monges beneditinos húngaros fundadores do Colégio Santo Américo, acompanhava uma aula na antiga sede na Rua Imaculada Conceição, em Santa Cecília. A escola, na época exclusivamente masculina, contava com 359 alunos.

O prédio pertencia à Faculdade de Filosofia da PUC-SP e era alugado. Fundada em 27 de fevereiro de 1951, a instituição de ensino completa sessenta anos neste domingo. Em 1963, o Santo Américo transferiu-se para o Morumbi (Rua Santo Américo, 275), onde está até hoje.

Fonte: VEJA SÃO PAULO