Público selecionado

Club A cobra anuidade de até R$ 5 000 para acesso livre

Sócios têm balada garantida o ano todo; cliente comum chega a pagar R$ 500 por uma noite

Por: Isabela Rosemback - Atualizado em

Club A balada luxo
O Club A tem anuidade para quem quer livre acesso à casa (Foto: Divulgação)

O Club A faz jus ao nome ao optar por ‘selecionar’ sua clientela. Para frequentar uma das baladas mais luxuosas da cidade, há três opções: pagar uma anuidade entre R$ 1 500 e R$ 5 000 _ os valores diferem para mulheres, homens e casais _, o que garante livre entrada durante o ano todo; ser convidado por algum associado e pagar R$ 100 o ingresso; ou arcar com a entrada de R$ 300 (mulheres) e R$ 400 (homens) _ nessa modalidade, R$ 100 são de bilheteria e o restante é consumível.

+ Confira as casas noturnas de luxo da cidade

Por ali, tudo é luxuoso. Uma cerveja Itaipava long neck, por exemplo, sai a módicos R$ 15. O camarote para seis pessoas varia de R$ 2 000 a R$ 3 000, com direito a duas garrafas de destilados.

+ Luxo: veja guia com os melhores restaurantes, cinemas, baladas e muito mais

Como em toda casa noturna badalada, não faltam famosos no local. Hebe Camargo, Paulo Ricardo, Luciana Gimenez, Ana Beatriz Barros, André Lima, Zé Pedro, Antonio di Biaggi, André Marques, Alicinha Cavalcanti, Juan Alba, Amanda Françoso e Preta Gil são alguns dos sócios que batem cartão no Club A.

 

  • Veja guia com os melhores restaurantes, cinemas luxuosos, baladas VIPs, e muito mais
    Saiba mais
  • Estilos variados

    Club A São Paulo

    Avenida Das Nações Unidas, 12559, Vila Almeida

    Tel: (11) 3043 8343 ou (11) 3043 8333

    3 avaliações

    A casa surgiu em 2009 nos moldes do antigo Gallery. Antes restrita a convidados e frequentada por endinheirados maduros, passou recentemente por um processo de reformulação. Agora, baladeiros na faixa dos 30 anos se esbaldam com uma miscelânea sonora. Os preços do ingresso (que chegavam a R$ 400,00) diminuíram bastante. Ricamente decorado com lustres de cristal, o ambiente continua o mesmo. Uma ampla área externa, adornada com uma piscina, recebe os fumantes.

    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO