Cinema

Novo 'Star Trek' e brasileiro 'Aquarius' são as estreias de destaque

O novo longa-metragem da série de ficção científica tem direção de Justin Lin, conhecido por fitas da franquia Velozes e Furiosos

Por: Tiago Faria - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Do blockbuster da temporada ao circuito alternativo, são variadas as estreias desta quinta (1) nos cinemas. A maior delas é Star Trek - Sem Fronteiras, novo episódio de uma das sagas espaciais mais queridas do cinema. No longa, a equipe liderada pelo capitão Kirk (Chris Pine) enfrenta uma espécie alienígena misteriosa. O diretor é Justin Lin, conhecido por filmes da franquia de ação Velozes e Furiosos. Com ótimas cenas de ação e clima retrô, a continuação não deve desagradar aos trekkers, fiéis admiradores da cinessérie.

Os cem melhores filmes de 2000 para cá

Para quem prefere um bom drama, o brasileiro Aquarius traz uma atuação luminosa de Sonia Braga no papel de uma jornalista que lutará bravamente contra as pressões de uma construtora que quer comprar o apartamento onde ela vive, em Recife. O longa dirigido por Kleber Mendonça Filho, de O Som ao Redor, provocou polêmica no Festival em Cannes, em maio, quando a equipe protestou no tapete vermelho contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff..

 Cinemark recebe concerto de André Rieu e show de Tiago Iorc

Há duas outras boas pedidas: a comédia brasileira Um Namorado para Minha Mulher e o drama dinamarquês A Comunidade.

  • É difícil imaginar o que seria do drama Aquarius sem Sonia Braga. É uma interpretação luminosa. Aos 66 anos, a atriz fez por merecer a consagração de crítica no Festival de Cannes, em maio, pelo papel da jornalista Clara, a última moradora do antigo prédio recifense que dá nome ao filme. Pressionada por uma construtora a vender o imóvel, ela recusa a proposta e compra uma guerra. Embora frouxo no ritmo da narrativa e com “vilões” caricatos, o segundo longa de ficção de Kleber Mendonça Filho (de O Som ao Redor) faz um retrato profundo, sem pudores, de uma mulher com nervos de aço. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • Dezoito anos depois do venenoso Festa de Família, o dinamarquês Thomas Vinterberg comprova o talento para dissecar conflitos entre quatro paredes. Em A Comunidade, o tom se mostra ameno e folhetinesco, porém envolvente. Nos anos 70, Erik e Anna (Ulrich Thomsen e Trine Dyrholm) decidem espantar o tédio do casamento com uma proposta prafrentex: convidar amigos para morar com eles em um casarão de Copenhague. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • Comédia dramática

    Loucas de Alegria
    VejaSP
    2 avaliações
    Há muito de Thelma & Louise e de Garota, Interrompida no enredo do italiano Loucas de Alegria, que enfoca a amizade improvável (e magnética) entre duas pacientes de uma casa de tratamento psiquiátrico na Toscana. Beatrice (Valeria Bruni Tedeschi) é otimista, falastrona e tem pose de socialite. Já a tímida Donatella (Micaela Ramazzotti) mal quer ser notada. Com atrizes carismáticas, o diretor de A Primeira Coisa Bela garante frescor a uma premissa batida. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • Deu certo a adaptação brasileira da comédia romântica argentina Um Namorado para Minha Esposa, de 2008. Estrelado por um trio de atores em sintonia, Um Namorado para Minha Mulher enfoca o casamento morno de Nena (Ingrid Guimarães) e Chico (Caco Ciocler). Ele é um pasmado dono de uma loja de antiguidades em São Paulo que, sem coragem de pedir a separação, apela para um golpe baixo: contratar um misterioso galanteador (papel de Domingos Montagner) para conquistar sua intragável companheira. O humor ácido e demolidor de Nena, assim como no original, dribla a mesmice. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • Lançamento no circuito alternativo, o documentário 82 Minutos, de Nelson Hoineff, registra os bastidores da escola de samba Portela. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • O drama histórico Rondon, o Desbravador, de Marcelo Santiago e Rodrigo Piovezan, encena um encontro fictício entre um jornalista e o militar e sertanista Cândido Rondon (1865-1958). Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • Terror / Suspense

    O Sono da Morte
    VejaSP
    1 avaliação
    Jacob Tremblay, o garotinho fofo e talentoso de O Quarto de Jack, volta à ativa em O Sono da Morte. O início promete algo original no terror. Órfão recusado em vários lares, Cody (Tremblay) consegue ser bem recebido na casa de Jessie e Mark (Kate Bosworth e Thomas Jane). O casal adotou o menino na esperança de substituir o filho que perdeu num trágico acidente. Mas Cody carrega um dom e uma maldição: embora seus belos sonhos sejam concretizados em imagens reais, os pesadelos do garoto ganham formas assustadoras. Em desenrolar muito fantasioso, a trama perde o rumo e o sentido apontando para um desfecho harmonioso, porém difícil de engolir. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais
  • Ficção científica

    Star Trek - Sem Fronteiras
    VejaSP
    Sem avaliação
    Fiéis admiradores da saga espacial Star Trek, os trekkers foram às nuvens quando a cinessérie ganhou uma bem-vinda repaginada visual em 2009, no filme homônimo dirigido por J.J. Abrams. A continuação de 2013, Além da Escuridão, manteve o entusiasmo. Mas o “desconfiômetro” dos fãs fez barulho quando Justin Lin, cineasta conhecido por fitas da franquia de ação Velozes e Furiosos, foi convidado para comandar o novo episódio da ficção científica, Star Trek — Sem Fronteiras. Perderam a noção? Só em tese, felizmente. Sob a supervisão sempre atenta de Abrams, creditado como produtor, o taiwanês (radicado nos Estados Unidos) dá conta de equilibrar adrenalina e nostalgia, turbinando a fórmula com sequências de perseguição a mil por hora e bom olho para as relações de camaradagem e cumplicidade entre personagens tão queridos pelo público. Desta vez, a equipe do capitão Kirk (Chris Pine) e de Spock (Zachary Quinto) enfrenta uma ameaça alienígena misteriosa (Idris Elba) que danifica a nave USS Enterprise e separa seus tripulantes em pequenos grupos. A falta de impacto desse enredo, bem pouco original, é compensada por um clima ágil e despretensioso, com sabor de um bom episódio de seriado de TV. Estreou em 1º/9/2016.
    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO