Especial Fim de Ano

Cinco notícias que mudaram São Paulo em 2013

Queda de guindaste na Arena Corinthians, máfia do ISS e aumento do IPTU estão entre os assuntos em destaque

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM

Queda- guindaste - Itaquerão
Guindaste caiu sobre parte da estrutura da Arena Corinthians (Foto: Ivan Pacheco/VEJA)

Por motivos variados, São Paulo foi protagonista do noticiário nacional diversas vezes este ano. Das manifestações que se espalharam pelo Brasil até o escândalo de corrupção na cobrança do Imposto Sobre Serviços (ISS), confira as cinco notícias sobre a cidade mais importantes em 2013:

Protestos no Largo da Batata - capa 2327
Largo da Batata durante manifestação (Foto: Daniel Teixeira/Estadão)

Protestos de junho. O aumento de 20 centavos na tarifa de ônibus desencadeou uma onda de manifestações em São Paulo que se alastrou pelo Brasil em poucos dias. A população foi às ruas em peso até em cidades pacatas do interior. O resultado: quatorze capitais e mais de quarenta municípios do país congelaram ou reduziram o valor do transporte público. 

protesto contra iptu
Na Câmara, pressão contra o aumento do IPTU (Foto: Tiago Mazza / Estadao Conteúdo)

Aumento do IPTU. A notícia do aumento de até 35% no valor do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) deixou de cabelo em pé os moradores de bairros nobres (onde o tributo ficará mais caro) e comerciantes. A aprovação da nova Planta Genérica de Valores pela Câmara Municipal, feita de sopetão na madrugada, um dia antes do programado, causou ainda mais revolta. Entretanto, após algumas derrotas na Justiça, o prefeito Fernando Haddad decidiu suspender o reajuste

Queda- guindaste - Itaquerão
Acidente fatal no Itaquerão (Foto: Ivan Pacheco/VEJA)

Desabamentos. Pelo menos três acidentes de grandes proporções na Grande São Paulo chamaram a atenção da população para as regras de segurança na construção civil. Em agosto, uma loja em construção desabou em São Mateus, na Zona Leste da cidade, matando dez operários. A obra estava irregular e há suspeita de pagamento de propina para a liberação. No começo de dezembro, um guindaste caiu sobre parte da estrutura da Arena Corinthians a menos de um mês da inauguração, deixando duas vítimas. Agora, um dos principais estádios brasileiros e futuro palco da abertura da Copa do Mundo está ameaçado. Dias depois, um prédio residencial ainda em construção caiu em Guarulhos, na Região Metropolitana. O vigia que dormia na obra morreu. 

luis alexandre magalhães auditor iss
O auditor Luís Alexandre Cardoso de Magalhães, um dos principais operadores da máfia do ISS (Foto: Reprodução/TV Globo)

Máfia do ISS. Apesar de o esquema ter funcionado a todo vapor entre 2008 e 2012, só este ano, com a recém-criada Controladoria-Geral do Município, foi descoberto um esquema de fraude na cobrança do Imposto Sobre Serviços (ISS) que impediu o recolhimento de mais de 500 milhões de reais em impostos pela prefeitura. Do grupo participavam mais de uma dezena de auditores fiscais e um subsecretário de Gilberto Kassab (PSD), além de grandes e pequenas construtoras. Hoje, estima-se que 410 prédios tenham habite-se graças ao pagamento de propina. 

Corredor na Avenida Nove de Julho - capa 2203
Corredor de Ônibus da Avenida 9 de Julho (Foto: Elisa Rodrigues/Futura Press)

Corredores de ônibus e faixas exclusivas. A cidade tem hoje 291 quilômetros de vias com prioridade para o ônibus e nem todas funcionam a contento - mesmo assim, o paulistano aprovou a novidade. Em uma pesquisa recente do Datafolha, 88% dos entrevistados foram favoráveis às novas faixas. Até entre os motoristas, os mais prejudicados no trânsito, a aprovação foi de 77%. Agora, estuda-se proibir os táxis com passageiros nos corredores. Confira o teste da Veja São Paulo e veja onde as vias continuam subaproveitadas pelos coletivos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO