Esporte

Cinco atletas brasileiros que devem brilhar nos Jogos Paralímpicos

Competição começa no dia 7 de setembro, no Rio de Janeiro

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Virada Inclusiva Antonio Tenorio
O judoca e medalhista paralímpico Antônio Tenório (Foto: Divulgação)

A partir do dia 7 de setembro, 4 350 atletas de 160 países disputarão os Jogos Paralímpicos no Rio de Janeiro, nos mesmos locais de competição da recente Olimpíada.

País-sede, o Brasil contará com a sua maior delegação até hoje, com 269 atletas. Após terminar em sétimo lugar no quadro de medalhas em Londres-2012, com 21 ouros, catorze pratas, oito bronzes, a meta de agora é finalizar entre os cinco primeiros.

Para essa missão, contará com algumas estrelas do desporto paralímpico mundial.

Conheça cinco delas:

 

Alan Fonteles

Tornou-se mundialmente conhecido em Londres-2012, quando conquistou a medalha de ouro nos 200 metros rasos ao vencer o até então imbatível Oscar Pistorius. Em Pequim-2008, já havia sido prata no revezamento 4x100 metros. Amputado nas duas pernas, abaixo do joelho, hoje é considerado o principal velocista paralímpico do país. Nascimento: 21 de agosto de 1992, em Marabá (PA). Altura e peso: 1,72 metro e 64 quilos. 

 

Antônio Tenório

Com deficiência visual, o judoca prepara-se para disputar sua sexta Paralímpiada. Tem quatro medalhas de ouro - Atlanta-1996, Sydney-2000, Atenas-2004 e Pequim-2008 - e é o sexto brasileiro mais vitorioso na história dos Jogos. Também foi bronze em Londres-2012. Nascimento: 24 de outubro de 1970, em São José do Rio Preto (SP). Altura e peso: 1,85 metro e 100 quilos.

 

Clodoaldo Silva

O nadador foi considerado uma das maiores estrelas da Paraolimpíada de Atenas-2004, ao conquistar seis medalhas de ouro e uma de prata em oito provas disputadas. Eleito o melhor atleta de 2005 pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC), colecionou ainda três pratas e um bronze em Sydney-2000 e uma prata e um bronze em Pequim-2008. Nasceu com paralisia cerebral, o que afetou sua coordenação motora. Data de nascimento: 1º de fevereiro de 1979. Local de nascimento: Natal (RN). Altura e peso: 1,75 metro e 66 quilos.

 

Daniel Dias

Maior referência da natação brasileira paralímpica, tem quinze medalhas em apenas duas edições dos Jogos, sendo dez de ouro. Apenas em Londres-2012, levou seis ouros nas seis provas individuais disputadas, além de quebrar cinco recordes, o que lhe rendeu o título de melhor atleta paralímpico do mundo pela segunda vez. Em Pequim-2008, faturou outros quatro ouros, além de quatro pratas e um bronze. Nasceu com má formação dos membros superiores e da perna direita. Nascimento: 24 de maio de 1988, em Campinas (SP). Altura e peso: 1,71 metro e 58 quilos.

 

Jeferson Gonçalves (Jefinho)

Passou pela natação e pelo atletismo antes de chegar ao futebol de 5, disputado por atletas com deficiência visual. Com a seleção brasileira, o ala direito é bicampeão paralímpico, após os ouros de Pequim-2008 e Londres-2012. Em 2010, foi eleito o melhor jogador do mundo. Nascimento: 5 de outubro de 1989, em Candeias (BA). Altura e peso: 1,65 metro e 66 quilos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO