Tempestade

Chuvas que atingiram a cidade ainda provocam lentidão no trânsito

Centro de Gerenciamento de Emergências retirou estado de atenção, mas ainda há pontos de alagamento e trânsito lento nas marginais Pinheiros e Tietê

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

céu raio chuva de verão 2014
Forte chuva que atinge a cidade na tarde desta sexta (7) colocou toda a cidade em estado de atenção (Foto: Victor Erthal)

A forte chuva que atingiu a cidade no final da tarde desta sexta-feira (7) colocou todas as regiões em estado de atenção para alagamentos e ainda provoca lentidão no trânsito.

+ Moradora registra casa submersa no Tremembé

De acordo com boletim do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), até as 21h40, ainda havia pelo menos um ponto de alagamento intransitável na Avenida Roque Petrônio Júnior, em Santo Amaro (Zona Sul). Outros dois pontos em que os motoristas enfrentam dificuldade estão nas ruas Dr Luiz Ayres, em Itaquera, na Zona Leste, e na Coronel Marques Ribeiro, na Vila Guilherme (Zona Norte).

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) registra outro alagamento na Avenida Luiz Ignácio de Anhaia Mello, em ambos os sentidos, na Vila Prudente. O órgão de trânsito também aponta vários pontos de lentidão no trânsito na Marginal Tietê, no sentido da Rodovia Ayrton Senna, e na Marginal Pinheiro no sentido da rodovia Castelo Branco.

Estado de atenção

Mais cedo, o CGE chegou a registrar dez pontos de alagamento pela cidade, que ficou em estado de alerta em toda as regiões até as 20h15.

Segundo o centro de monitoramento da prefeitura, pancadas de chuva devem seguir atingindo a cidade no fim de semana. No sábado (8), a mínima será de 19 graus e a máxima, de 26 graus. No domingo (9), os termômetros variam entre 19 graus e 28 graus.

Fonte: VEJA SÃO PAULO