Comidinhas

Marca oferece sabores inusitados de churros

Kinder, Ovomaltine, Nutella e outros recheios vão muito além de doce de leite

Por: Gabrielli Menezes

kinder - Olha o Churros!
Kinder: sabor inusitado (Foto: Divulgação)

Pode esquecer a tradicional massinha frita passada no açúcar e na canela com recheio doce de leite. A marca do interior de São Paulo Olha o Churros! foi aberta há dois anos, soma 39 franquias e trabalha com muitas versões de churros diferentões no cardápio.

Na massa de chocolate do famigerado churros Kinder vai o recheio de chocolate branco e, ao redor, chocolate branco e ao leite (R$ 9,00). Pelo mesmo preço, o churros de Nutella faz a vez com com massa tradicional e recheio de... Nutella, é claro. A guloseima ainda é coberta com chocolate ao leite e confeitada com castanhas.

pudim_caramelo - Olha o Churros!
Pudim: pra molhar o churros (Foto: Divulgação)

Já no de Ovomaltine tanto a massa como o recheio são de chocolate. O Ovomaltine mesmo só vai em volta, preso ao chocolate branco da cobertura (R$ 9,00). Um dos mais inusitados é o galletas, de pudim de leite condensado. Os churros são mais fininhos, menores e passados no açúcar e na canela. Ao lado, é servido um creme de sabor de pudim, onde mergulha-se os churros (R$ 9,00).

+ Lojas especializadas em um só tipo de doce

damasco - Olha o churros
Linha fit: damasco e frutas vermelhas (Foto: Divulgação)

Por menor valor, a linha saudável troca a farinha de trigo branca por integral. Os recheios ficam por conta das compotas de frutas light. Opta-se por damasco e frutas vermelhas. No lugar dos possíveis granulados, aveia e mel (R$ 8,00).

Ice Churros - Olha o Churros!
Ice churros: mini churros com sorvete (Foto: Divulgação)

Outra opção é combinar o doce com sorvete. Palitinhos de churros e uma bola de sorvete saem por R$ 3,00. Com duas bolas, o preço sobe para R$ 6,00; com três, sai por R$ 9,00. Em São Paulo, a Olha o Churros! está nos shoppings Metrô Santa Cruz, Jardim Sul, Eldorado, Campo Limpo e Mais, em Santo Amaro. Há também uma loja de rua, na Avenida Brigadeiro Faria Lima, no Jardim Paulistano.

Fonte: VEJA SÃO PAULO