Serviço

Check-list para aproveitar Orlando

Confira nossas dicas e desfrute a sua viagem

Por: Helena Galante

arte checklist Orlando
(Foto: Veja São Paulo)

Para ninguém se perder

Coloque um crachá com nome, telefone de contato e endereço do hotel nas crianças pequenas. Também ajuda combinar um ponto de encontro com a família para o caso de alguém se perder na multidão.

+ Confira o Guia de Viagens

O que levar na mochila

Protetor solar (mesmo no inverno), capa de chuva, moletom, óculos de sol, máquina fotográfica, garrafa de água e beliscos como barrinhas de cereais são indispensáveis. Tente apenas não exagerar no tamanho da mala. Lembre-se de que será preciso deixá-la em lockers antes de entrar em alguns brinquedos.

Roupas confortáveis

Mulheres, desistam de vestidos, saias e saltos. Seja nos shoppings, seja nos parques, as distâncias a caminhar são grandes, e o conforto deve ser prioridade. No calor, se optar por um calçado que não seja preso ao pé, será preciso deixá-lo de lado antes de entrar em alguns brinquedos, como montanhas-russas sem piso.

checklist orlando B
(Foto: Veja São Paulo)

Compre um carrinho

Até pelo menos os 6 anos, as crianças costumam não dar conta de caminhar o dia todo. Para não carregá-las muito tempo no colo, passe no Walmart e compre um carrinho estilo guarda-chuva para usar durante a viagem (US$ 18,00). Vale mais a pena do que alugar um modelo nos parques, que cobram entre US$ 18,00 e US$ 31,00 (modelo duplo) por dia.

Café da manhã com personagens

É o melhor jeito de conseguir autógrafos e boas fotos com todos os ídolos das crianças sem pegar diversas filas nos parques. As reservas (imprescindíveis) devem ser feitas com até seis meses de antecedência no site da Disney.

Fure filas (legalmente)

Na Disney, o sistema é grátis e se chama Fast Pass. Funciona da seguinte forma: você coloca seu ingresso numa catraca especial que marca um horário para você retornar sem pegar a fila convencional. Nos parques da Universal, é preciso pagar para ter acesso rápido aos brinquedos.

checklist orlando c
(Foto: Veja São Paulo)

De olho no trânsito

Não estranhe. É possível virar à direita no farol vermelho na maioria dos cruzamentos. Se for proibido, haverá uma placa com os dizeres “No turn on red”.

Apague o cigarro

Todos os parques têm ruas ao ar livre, mas não é permitido fumar em nenhuma delas. Há áreas delimitadas para fumantes, e os monitores estão atentos para chamar a atenção de quem descumpre a regra.

checklist orlando D
(Foto: Veja São Paulo)

O fim da festa

Comprar nos outlets é uma delícia, mas tenha em mente que, se você exceder o limite de peso da bagagem (duas malas de 32 quilos), terá de pagar taxas. Os brasileiros são campeões em criar confusão no check-in de volta.

Fonte: VEJA SÃO PAULO