Show

Um dos destaques do Sónar, Cee Lo Green decepciona

Cantou americano tocou neste sábado (12), no segundo dia de shows do festival no Anhembi

Por: Catarina Cicarelli - Atualizado em

Cee Lo Green
Cee Lo Green: cantor fez primeira apresentação no Brasil durante o Sónar (Foto: Mauricio Santana / Getty Images LatAm)

Cee Lo Green é conhecido por seu jeito extravagante, voz potente e shows empolgantes. No ano passado, ele faria sua primeira visita ao país, mas após cancelar sua participação no Urban Music Festival, adiou sua vinda para o Sónar São Paulo, que aconteceu nesta sexta (11) e sábado (12), no Anhembi. Após tão aguardada aparição, no entanto, o cantor americano decepcionou com uma apresentação cheia de altos e baixos.

+ Galeria: o primeiro dia do Sónar

+ Tudo sobre o Sónar São Paulo

Com cerca de vinte minutos de atraso, ele subiu ao maior palco do festival, com uma plateia longe de estar lotada, como havia ocorrido na véspera no show do Kraftwerk. Vestindo uma bata branca, ele engatou a introdução de seu disco mais recente, "The Lady Killer". Surpreenderam no repertório a utilização de uma parte de "Starway to Heaven", do Led Zeppelin, e a boa versão de "Let's Dance", de David Bowie, mas quem esperava ouvir os grandes hits do cantor teve que aguardar até o fim da apresentação.

Após pouco tempo, Cee Lo abandonou a bata e ficou apenas de camiseta regata. Entre uma música e outra fazia longos discursos, brincava com a plateia e até chegou a pedir tequila para a produção. Interação é sempre um fator que anima o público, mas nesse caso ele passou um pouco da conta e chegou a incomodar. O show desandou de vez quando o cantor se dedicou a relembrar faixas de seu primeiro grupo, Goodie Mob, acompanhado dos rappers Khujo, T-Mo e Big Gipp.

A plateia só voltou a se animar nas duas últimas faixas, as famosas "Crazy" e "Fuck You", que foram cantadas e dançadas com empolgação.

Fonte: VEJA SÃO PAULO