Crime

Casal é baleado nos Jardins e homem morre

Crime aconteceu na manhã desta segunda (28) na esquina da Avenida Nove de Julho com a Alameda Lorena

Por: Redação VEJASÃOPAULO.COM

Corredor na Avenida Nove de Julho - capa 2203
Trecho da Avenida Nove de Julho, próximo ao local onde o casal foi atingido por tiros nesta segunda (28) (Foto: Elisa Rodrigues/Futura Press)

O empresário Carlos Eduardo Coelho Hirsch, de 51 anos, morreu na tarde desta segunda-feira (28) após ser atingido por seis tiros disparados por uma pessoa ainda não identificada pela polícia em plena Avenida Nove de Julho, esquina com Alameda Lorena, nos Jardins. O crime aconteceu pela manhã. Flávia Silva Martins, de 22 anos, que estava ao lado do empresário, também foi ferida, mas não corre risco de morrer.

O carro, um Voyage branco dirigido por Flávia, estava parado no sinal vermelho. Segundo testemunhas, um homem branco aparentando ter mais de 40 anos disparou contra o casal e depois saiu andando calmamente com a arma na cintura. A polícia foi acionada pelos comerciantes do bairro, mas o supeito fugiu antes. 

Também com base nas testemunhas, a polícia suspeita de execução. Nada foi roubado do casal.  Flávia continua internada na Santa Casa. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO