Televisão

O vestibular para fazer parte de "Carrossel"

Cerca de 3.000 crianças disputam os papéis do remake da novela que foi um hit nos anos 90

Por: Manuela Nogueira

Seleção Carrossel - 2225
A audição no SBT: quarenta atores avaliados por dia (Foto: Mario Rodrigues)

Na terça-feira (5), a diretora de elenco Tina Pacheco Couto dava as boas-vindas e os avisos gerais do encontro. Era a segunda tarde de audição para o elenco da versão brasileira da novela “Carrossel”, gravada originalmente no México, em 1989. Num dos auditórios do SBT, cerca de quarenta crianças, acompanhadas de seus responsáveis, ouviam atentamente as orientações. “Quem aqui já assistiu a um capítulo da novela?”, perguntou Tina. Só as mães levantaram as mãos. A maioria dos aspirantes a Cirilo, Valéria, Jaime Palilo e outros papéis têm entre 7 e 9 anos de idade. Ou seja, muitos de seus pais eram jovens quando a trama foi ao ar no Brasil pela primeira vez, em 1991.

+ Crianças tentam a sorte nos palcos

+ Pati Amoroso, a revelação do musical “Mamma Mia!”

+ Quiz: você vai sentir falta de "Vale Tudo"?

A novelinha infantil provocou um rebuliço na televisão brasileira naquela época. A Rede Globo ainda tentava se recuperar das surras de audiência de “Pantanal”, da TV Manchete, quando o folhetim latino atingiu 27 pontos no Ibope e chegou a bater o “Jornal Nacional”. Em uma visita ao Brasil, a atriz Gabriela Rivero, que havia interpretado a professora Helena, desceu a rampa do Palácio do Planalto, ao lado do então presidente Fernando Collor, e passeou pelas ruas com status de superstar.

Seleção Carrossel - 2225
Lívia e Nicolas, de 7 e 10 anos: as inscrições para os testes continuam abertas na internet (Foto: Mario Rodrigues)

A nova versão reunirá quinze personagens mirins principais. Atores com experiência na área têm preferência. Na última terça, todos os presentes foram levados pela agência Alternativa. No teste, eles tiveram de interpretar uma cena de dois minutos diante das câmeras, na qual uma menina confidencia a um coleguinha sua tristeza com a separação dos pais. Um dos concorrentes, Otavio Sturki, 11 anos, já carrega sua DRT, o registro de ator profissional. “Não fiquei nem um pouco nervoso com o teste”, afirmou. Lívia Colombero, 7 anos, atuou em três comerciais publicitários e sonha em ser a próxima Maria Joaquina, vilã da história. “Vi uma cena dela no YouTube e me achei parecida.”

Aos interessados em participar da seleção, as inscrições continuam abertas no site do SBT e o processo de escolha do elenco deve demorar cerca de um mês. No período das gravações, a direção pretende contratar professores particulares para ajudá-los nas lições de casa. Haverá poucas cenas externas e quase todas serão rodadas no período da tarde, para não atrapalhar o calendário escolar. Essa preocupação fez a emissora desistir de incluir no elenco fixo Maisa, a estrela infantil da casa, que acumula a apresentação do “Bom Dia & Cia.” e do “Sábado Animado”. Ela terá apenas participações especiais.

Diretor de Carrossel - 2225
O diretor Del Rangel: “Temas como bullying e divórcio continuam atuais” (Foto: Mario Rodrigues)

O SBT planejava o remake havia pelo menos cinco anos. A decisão de concretizar o projeto partiu de Daniela Beyruti, filha de Silvio Santos, diretora-geral da emissora. A mulher do apresentador, Iris Abravanel, é quem vai cuidar da adaptação. Na atualização do enredo, as crianças serão mais indisciplinadas e portarão aparelhos de videogame e celulares. Os cenários serão abrasileirados. Os produtores fotografaram escolas da capital e acabaram decidindo trocar os tons pastel por paredes multicoloridas nos cenários, com inspiração na Escola da Vila, na Zona Oeste, visitada na fase de pesquisa. Além disso, uma das personagens será uma indiazinha.

A essência da história, no entanto, não muda. “Os temas tratados, como bullying e divórcio, continuam atuais”, diz Del Rangel, o diretor da novela, que optou por manter a mesma música de abertura e os nomes dos personagens. “Queremos atingir tanto a nova geração quanto os adultos que se sentem órfãos de Carrossel.” Na cidade cenográfica do SBT, de 7.200 metros quadrados, os ajustes estão começando. O espaço onde ficava o ferro-velho de “Uma Rosa com Amor” abrigará a Escola Mundial. Os estúdios 7 e 8 foram reservados para as cenas internas. Ali serão construídos o pátio, a sala de aula, a sala de música, a secretaria e a casa de alguns alunos. Para erguer essa estrutura, 200 profissionais, entre marceneiros, pintores e mecânicos, entrarão em cena. Tudo tem de estar pronto até setembro, quando se iniciam as gravações. A atração deve ir ao ar em março de 2012. Cada um de seus 200 capítulos custará 180.000 reais aos cofres da emissora, que sonha com a audiência de outrora.

Carrossel - 2225
A novela "Carrossel" original: exibida pela primeira vez no Brasil em 1991 (Foto: Televisa/Divulgação)

ADAPTAÇÃO

As alterações previstas para que a obra agrade a uma nova geração de espectadores

Modernização

Para refletirem o comportamento atual, os personagens mirins serão mais indisciplinados e ligados em tecnologia. Como as discussões sobre acessibilidade estão em voga, a trama deverá ter um personagem cadeirante.

Abrasileiramento

Entre os personagens, haverá uma índia brasileira. Os cenários da Escola Mundial terão muitas cores, com inspiração na Escola da Vila, na Zona Oeste da capital.

ONDE ESTÃO AS ESTRELAS DO ORIGINAL

Professora Helena - Carrossel
(Foto: Televisa/Divulgação)

Gabriela Rivero, a professora Helena, fez outras novelas. Recentemente apresentou o talk-show "Necesito una Amiga" pela Univision, em Miami

Maria Joaquina - Carrossel
(Foto: Televisa/Divulgação)

Ludwika Paleta, a Maria Joaquina, continua na TV. Soma onze novelas e seis filmes. Em 2006, fez um ensaio sensual para a revista mexicana “H”

Cirilo - Carroussel
(Foto: Televisa/Divulgação)

Pedro Javier Viveros, o Cirilo, desapareceu do meio artístico e cursou faculdade de ciências da comunicação  

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO