chuvas

O que fazer se seu carro enfrentou uma enchente

Engenheiro dá dicas de como evitar problemas na hora de consertar um automóvel levado pela enxurrada

Por: Marcus Oliveira - Atualizado em

enchente plano de metas 2149
Carro preso em via alagada da cidade (Foto: Apu Gomes / Folha Imagem)

Depois de ver o carro, literalmente, boiando pelas ruas da cidade, o motorista não precisa se desesperar por completo. Na maioria dos casos, segundo o gerente de engenharia da rede DPaschoal, Eliel Bartels, podem ser revertidos. “O custo de manutenção é relativo, mas para muitos casos é possível recuperar o automóvel”, afirma.

+ Saiba o que nunca fazer ao ter contato com uma enchente

Confira as dicas do engenheiro e saiba o que fazer caso seu carro seja levado pela água:

■ Não lave o motor por conta própria. A água pode entrar nos conectores e isso cria uma barreira elétrica na conectividade com o carro e pode causar a queima de módulos, como o de injeção. Enxugue os conectores, como o da bateria, por exemplo, para que eles não passem por um processo de oxidação.

■ Deixe as portas do carro abertas e de preferência ao sol. Para alguns casos, é preciso trocar o estofamento.

■ O motor é o grande prejudicado quando um carro entra em contato com a água. No conserto, ele será aberto, para realizar uma limpeza que custa a partir R$ 350,00, mais o valor das peças danificadas, em um carro popular, por exemplo.

■ Não aceite pacote de orçamento, busque saber as peças que precisam ser trocadas e qual a relação que elas têm com os problemas apresentados no veículo.

■ Peça alguma garantia de que a solução proposta vai sanar o problema.

■ Mantenha o ar-condicionado desligado durante a enchente para evitar danos ao motor.

Dica: a chuva em alta intensidade prejudica a visibilidade do motorista. Manter vidros limpos e com uma película hipermealizadora -- que custa entre 50 e 75 reais, ajuda a reduzir esse risco. É preciso ficar atento também às palhetas dos limpa-vidros, que têm seis meses de vida útil.

Fonte: VEJA SÃO PAULO