Mundo pet

“Cãorreio elegante” é atração de feira de adoção

Cães, gatos e até cavalos esperam por um lar em evento que ocorre neste sábado (17), no Centro de Zoonoses

Por: Mariana Gabellini - Atualizado em

Nicolas
O cão Nicolas: ele aguarda um novo lar desde 2009 (Foto: Divulgação)

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) promove neste sábado (17) sua tradicional Festa de Adoção. Nesta edição, a feira que existe desde 2000 contará com uma atração especial: o “cãorreio elegante”, em que os animais serão responsáveis por entregar bilhetinhos apaixonados.

O evento contará também com atrações como o “cãotinho interativo”, espaço em que os peludos e os futuros donos poderão interagir. Haverá ainda palestras sobre posse consciente e desfile de animais. Os interessados em adotar também poderão fazer um “test dog”, passeio para conhecer melhor o temperamento de cada animal e que funciona como uma tentativa de diminuir os problemas de adaptação.

Atualmente, cerca de 400 cães e gatos estão no CCZ à espera de um novo lar. Mas por lá também aparecem galos, vacas e tartarugas. O Centro, hoje, abriga até mesmo oito cavalos, que foram recolhidos na cidade. De acordo com Ana Claudia Furlan Mori, gerente do CCZ, os animais chegam ao Centro principalmente por meio de denúncias de maus tratos. Para reverter o quadro, são feitas entrevistas para analisar o perfil dos adotantes. “Temos que ter a garantia de que esses animais não vão para o abate ou trabalhar, como acontece com os cavalos”, justifica.

Há animais para todos os perfis de adotante. A maioria é sem raça definida. Entre os cães, os mestiços mais comuns são misturas de pitbull, rottweiler e dobermann. Entre os felinos sem abrigo definitivo, há mais mestiços de siameses e persas. De acordo com Ana Claudia, animais menores e jovens são adotados mais facilmente. Por isso, há mascotes que vivem no local há mais de quatro anos.

Os interessados em adotar um bichinho de estimação devem aparecer neste sábado (17), no Centro de Controle de Zoonoses, entre 10h e 16h. Também é preciso levar coleira para os cães e caixa de transporte para gatos, além de documentos pessoais, como CPF, RG e comprovante de residência. É cobrada uma taxa de R$ 16,20 referente à adoção, e o Registro Geral do Animal (RGA) é emitido na hora.

Todos os animais são vacinados, esterilizados, microchipados, vermifugados e tratados contra pulgas e carrapatos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO