Terraço Paulistano

Wanessa: “Rafinha Bastos é passado”

Cantora fala da briga judicial com o humorista, que terá que pagar 150.000 reais

Por: Ricky Hiraoka - Atualizado em

Wanessa - Terraço Paulistano
Wanessa: feliz com a decisão da Justiça (Foto: Mario Rodrigues)

Na próxima quinta (15), Wanessa vai gravar o seu segundo DVD, no HSBC Brasil. A volta da cantora, porém, foi ofuscada pela decisão que condenou o humorista Rafinha Bastos a pagar uma indenização de 150 000 reais devido à piada grosseira que fez sobre a cantora e o bebê dela, no ano passado. A seguir, Wanessa fala sobre o caso, a recente separação dos pais e a retomada da carreira, após a licença-maternidade.

VEJA SÃO PAULO — Ficou satisfeita com a sentença?

WANESSA — Sim. Sofro com a situação até hoje. Os fãs me apoiaram muito. Vivo com meu filho e Rafinha é passado.

 

VEJA SÃO PAULO — Como encarou a recente separação de seus pais, Zezé Di Camargo e Zilu?

WANESSA — Sou confidente de ambos e sabia que eles buscavam mais liberdade. Não falo de casos extraconjugais. Eles casaram cedo. Sentiam falta de fazer traquinagens... Mas eles continuam amigos e minha mãe ainda cuida do dinheiro do meu pai.

 

VEJA SÃO PAULO — O que achou do convite para Zilu participar da segunda temporada de Mulheres Ricas?

WANESSA — Disse que era melhor recusar. A produção ia explorar o divórcio e possíveis novos romances dela.

 

VEJA SÃO PAULO — Por que mudou o foco de sua carreira?

WANESSA — Não estava mais a fim de cantar sobre amor eterno e príncipe encantado. Eu me interessei por temas existenciais e queria fazer o público dançar. Então, juntei letras filosóficas em um ritmo dançante. Embora não apareça hoje tanto na mídia, meus shows vendem mais.

Fonte: VEJA SÃO PAULO