Campanha

Restaurantes participam de campanha para a Fundação Dorina Nowill para Cegos

Até o fim do mês, alguns pratos de mais de cinquenta restaurantes da cidade têm parte da venda revertida para a fundação

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Paris 6 - Grand Gateau® Chocolat recheado com pedacinhos crocantes de CHOCO & BISCUIT HERSHEY’S®
Paris 6: o grand gateau chocolate com morangos e pedaços de Hershey's tem parte de renda revertida para a fundação (Foto: Thatiana Bione)

No mês de outubro, a Fundação Dorina Nowill para Cegos realiza a quarta edição da campanha "Um bem que dá gosto". Mais de cinquenta restaurantes paulistanos participando da ação, escolhendo entre doar uma porcentagem do valor arrecadado com um prato específico ou permitir que o cliente adicione 1 real à conta como doação para a fundação.

A La Mar Cebicheria, casa que ajudou a a popularizar o ceviche na cidade, entra na campanha com um "primo" do prato que dá nome à casa. Em vez de cubos de peixe, o chamado tiradito é feito com lâminas de peixe marinadas em leite de trigre. A versão batizada de nikei, feita com salmão em salsa agridoce e tamarindo, sai por 31 reais.

Filé mignon à milanesa com risoto de limão siciliano, do restaurante Nou.
Filé mignon à milanesa com risoto de limão siciliano, do restaurante Nou (Foto: FERNANDO MORAES)

Já no movimentado Nou, o prato que faz parte da campanha é uma pedida bem conhecida pelos clientes da casa: filé-migon à milanesa acompanhado de risoto de limão-siciliano, que custa 51 reais. No Paris 6, ajuda a Fundação Dorina Nowill para Cegos quem pedir a sobremesa mais famosa da casa, o grand gateau de chocolate com morango picado e pedaços de chocolate Hershey's. A sobremesa sai por 32 reais.

Na lista das casas que optaram por possibilitar os clientes a acrescentarem 1 real à conta como doação figuram o Pecorino, o Tavares, a Taberna da Esquina, e Bistrô Charlô, entre outros. Confira a lista completa aqui.

Fonte: VEJA SÃO PAULO