Carnaval

Samba-enredo da Camisa Verde e Branco fala de amor

Várias manifestações do sentimento são retratadas na letra deste ano

Por: Bruna Gomes - Atualizado em

Camisa Verde e Branco
Camisa Verde e Branco: abre os desfiles na sexta (17) (Foto: Priscilla Vilariño/SpTuris)

"É o amor"

Compositores: Anderson Banana, Rodney Cheto, Fábio Bogalho, Rodrigo CP, Rafinha e Xuxa do Cavaco

"É verde e branco o meu amor

Meu pavilhão, minha paixão

Eu sou Camisa onde for

O trevo é meu coração

Sinta o romance no ar, é o amor

Conquistando os corações, o Cupido te flechou

Emoções, lindas estórias e loucuras

Platônico, o sol enamorado pela lua

É divinal, é imortal e vai se propagar

Inexplicável pode transformar e mudar a humanidade

Na obra de arte, do imperador, a dor de uma saudade que ficou

Flores num lindo jardim, personagens de amores sem fim

É puro e verdadeiro, o meu orgulho de ser brasileiro!

Ora ie ieo Mamãe Oxum

Deusa do amor, conduza minha fé

É o povo clamando, em uma só voz

Em cada um de nós derrame seu axé

Um grito de gol ecoa no ar

É universal, não dá pra negar

Sem preconceito eu sou, é colorido o amor

Estenda a mão, ao seu irmão

Como é nobre o gesto de doar

E o vento levou embora a tristeza

Do outro lado da vida existe a beleza

Nas ondas do rádio, casais apaixonados

Na tela do computador a esperança

Respeite o direito de uma criança

Mascarados no salão, é Carnaval, vou te beijar

A Furiosa faz você se apaixonar!"

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO