Pets

Saiba qual é o cachorro ideal para você

Vinte e cinco raças com temperamentos e portes diferentes. Um deles se adequa à sua rotina

Por: Bruna Gomes - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Na hora de comprar ou adotar um cãozinho, é comum surgirem várias dúvidas quanto à raça perfeita. Neste momento é bom pensar em quem vai passar mais tempo com o animal, o espaço onde ele vai ficar, o temperamento dos dois (bichinho e dono) e a disponibilidade para passeios e outros cuidados. “Ter um animal em casa demanda tempo, dedicação, visitas frequentes ao veterinário, vacinação, vermifugação e atenção com a alimentação”, alerta Alexandre Rossi, mais conhecido como Dr. Pet. “É preciso ter consciência de que é uma outra vidinha dependendo de você e que o animal também tem sentimentos.”

+ Galeria de fotos traz vinte e cinco raças para você escolher a que mais combina com você

A veterinária Keila Regina de Godoy, que trabalha como gerente de capacitação técnica em uma empresa de pet food, dá algumas dicas. “Quem mora em apartamento e tem espaço limitado deve considerar que nem sempre os cães pequeninhos são os mais silenciosos”, explica. Outro ponto importante é, em caso de criança pequena em casa, optar por raças que aguentem brincadeiras mais brutas como os de maior porte e de temperamento calmo ou, do time dos pequenos, o lhasa apso e o shih-tzu. 

Vira-lata
Vira-lata: geralmente são amáveis e apresentam ótimo temperamento (Foto: Andre Moreau Louzeiro)

“Se for preciso deixar o pet longas horas sozinho, o ideal é ter outro cãozinho em casa”, orienta o Dr. Pet. O especialista ressalta alguns cuidados para evitar brigas como escolher cães com temperamento dócil e de sexos ou tamanhos diferentes. Quem tem um animal idoso em casa, por exemplo, pode fazer da vida dele um inferno ao trazer um filhote para dividir o espaço. “Outra saída é contratar serviços de creches ou deixar com alguém que possa cuidar do bichinho enquanto você estiver fora.”

+ Vinte respostas sobre a saúde do seu pet

+ Mercado oferece cada vez mais opções de carrinhos para levar pets

Tatiane Ichitani, consultora de comportamento e adestradora da Cão Cidadão, lembra que, “além das raças específicas que podem ser compradas em bons canis, temos de considerar a adoção de cães sem raça definida, ou vira-latas, pois também são ótimos companheiros e se adaptam a vários ambientes e situações”.

PERSONALIDADES

Para que não haja conflitos entre os temperamentos do animal e do dono, separamos cinco personalidades com seus cães ideais.

Carente

Pets como o labrador, cocker e o yorkshire são carinhosos, amáveis, adoram um cafuné e trocam tudo para deitar nos pés de seus donos. “O pinscher também é um cachorro amável, mas é territorialista, não tem consciência do próprio tamanho e se incomoda com a presença de outras pessoas e animais perto de seu dono”, explica Keyla Godoy.

Estressado

Neste caso, em que há falta de paciência, o ideal é procurar raças mais independentes como o akita, o husky siberiano, o chow-chow e o pug. Apesar dessa característica, eles também precisam de passeios e cuidados constantes. 

Labrador - cachorro
Labrador: opção para quem tem tempo, crianças e bastante espaço para ele brincar (Foto: Sonia Schwartz)

Animado e aventureiro

Aos donos com tempo e disposição para brincadeiras e passeios, algumas raças indicadas são o border collie, o beagle e o labrador. Eles são ativos, alegres, amáveis e praticamente incansáveis. Quem pratica esporte “não pode se esquecer de fazer exames para descobrir se o animalzinho tem algum problema de saúde e cuidar para que ele ganhe um condicionamento gradual antes de qualquer aventura”,diz Keyla.

Sociável e festeiro

Se você é do tipo que recebe visitas frequentes e tem sempre pessoas diferentes em casa, a melhor saída é buscar cães de companhia, mais tranquilos e menos territorialistas, como o golden retriever, o labrador, o spitz alemão, o maltês e o lhasa apso.

Mal-humorado

Para este tipo de dono, os cães mais indicados são aqueles que gostam de carinho, mas depois voltam para o cantinho deles, tudo sem excessos. Algumas raças que se encaixam nesse perfil são o rottweiller, o doberman, o chow-chow e o buldogue.

Fonte: VEJA SÃO PAULO