Acidente

Bombeiros localizam aeronave com dois corpos em Paraty

O avião bimotor estava em uma área de mata fechada

Por: Estadão Conteúdo - Atualizado em

Avião Paraty
A decolagem do avião (Foto: Reprodução / GloboNews)

O Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro localizou, na manhã desta segunda-feira (4), o avião bimotor que estava desaparecido desde o domingo em Paraty, no interior do estado. De acordo com a corporação, havia dois corpos dentro da aeronave, que foi encontrada em uma área de mata fechada, de difícil acesso, no bairro Corumbê. A identidade das vítimas não foi divulgada.

+ Piloto freelancer de Val Marchiori morre em acidente aéreo em Paraty

O avião seguia de São Paulo para Paraty, no Litoral Sul do Rio. Apenas piloto e copiloto estariam a bordo no momento da decolagem, no Aeroporto Campo de Marte, na Zona Norte de São Paulo, de acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) informou que a aeronave do modelo King Air, prefixo PPLMM, decolou às 13h34 de São Paulo. A previsão de pouso em Paraty era para as 14h15, mas não houve confirmação de aterrissagem, contato com a torre nem informação de mudança de rota.

Na tarde de domingo (3), o Corpo de Bombeiros recebeu ligações que relatavam um avião que sobrevoava a região de mata fechada entre os bairros de Corumbê e Graúna. Os relatos foram de um estrondo e, em seguida, pararam de escutar o barulho do motor da aeronave.

Segundo o Registro Aeronáutico Brasileiro, da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o Certificado de Aeronavegabilidade (CA) do avião tem validade até dezembro do próximo ano.

De acordo com a Infraero, a aeronave era operada pela empresa de táxi aéreo Aristek, que tem um hangar no Campo de Marte. O bimotor pertence ao Supermercado Shibata Ltda., com sede em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, conforme registro de documentos da Anac.

Fonte: Estadão Conteúdo