Crime

Boliviano é esfaqueado após assalto na Zona Leste

Crime aconteceu na noite de quarta-feira (4), quando o homem chegava em casa. Não há informações sobre seu estado de saúde

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

Um boliviano foi esfaqueado na noite de ontem (4) após ser assaltado quando chegava em casa, na Mooca, Zona Leste. O homem foi abordado por cinco criminosos quando saía do carro. Eles levaram as chaves do automóvel e cerca de 150 reais em dinheiro mas, não satisfeitos com a quantia, esfaquearam a vítima.

Segundo a Polícia Militar, a vítima foi encaminhada ao Hospital Municipal Dr. Ignácio de Proença Gouveia - João XXIII, na Mooca, com ferimentos na nuca, nas costas e na perna. Ela havia perdido bastante sangue. Até às 9h, não havia informações sobre o seu estado de saúde.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes da Vila Alpina (56º DP) e deverá ser encaminhado para o 18º DP, Alto da Mooca, que dará continuidade às investigações.

- Menino morto

Outro boliviano, o menino Brayan Yanarico Capcha, de 5 anos, foi morto na noite de 28 julho deste ano, em São Mateus, também na Zona Leste, depois que bandidos entraram na casa onde morava para realizarem um assalto. 

Brayan estava com os pais e outros imigrantes bolivianos quando entre seis e oito bandidos invadiram a casa. A família conseguiu reunir 4 500 reais, mas os assaltantes queriam mais dinheiro. Segundo a mãe do menino, um dos criminosos atirou na cabeça do garoto, que chorava. "Eu disse: filho, cala a boca. E ele disse, tá bom, tá bom, não quero morrer."

Fonte: VEJA SÃO PAULO