Transporte

Prefeitura cria Bilhete Único para desempregados

Benefício vale por três meses e é cancelado em caso de admissão em um novo emprego ou fraude. SPTrans ainda precisa regulamentá-lo

Por: Estadão Conteúdo

Ônibus
Prefeitura cria o Bilhete Único para desempregados (Foto: Divulgação)

A prefeitura de São Paulo criou nesta terça (10) o Bilhete Único Especial do Trabalhador Desempregado, mesmo benefício que o governo do estado concede desde 2003 no Metrô, na Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e na Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) aos passageiros sem emprego. A medida da administração vale dentro do sistema municipal de ônibus. O decreto foi publicado no Diário Oficial da Cidade.

+ Homem morre em assalto a carro-forte em São Paulo

Segundo o texto, o benefício vale por três meses e deve ser pedido à Secretaria Municipal de Transportes por quem comprovar que está desempregado. Ainda de acordo com o decreto, não há como renovar o cartão. O bilhete será cancelado em duas hipóteses: admissão em um novo emprego e constatação de fraude.

+ Juiz prende mais um PM por chacina de Osasco

A São Paulo Transportes (SPTrans) ainda precisa regulamentar o benefício. O órgão foi procurado pela reportagem para explicar onde o desempregado pode emitir o benefício, quantos passageiros deve atender e que documentos precisa levar, mas não respondeu aos questionamentos

+ Confira as últimas notícias 

Fonte: VEJA SÃO PAULO