Comportamento

Biebermania chega a São Paulo

Cerca de 90.000 fãs são esperados nos dois dias de show do astro canadense Justin Bieber

Por: Claudia Jordão, Carol Pascoal e Flora Monteiro

Justin Bieber
Descoberto em 2008, o cantor virou figura carimbada na capa de revistas: a terceira celebridade mais poderosa do mundo segundo a americana Forbes (Foto: Divulgação)

A universitária Mariane Freitas, de 20 anos, passou os últimos dias confeccionando 200 corações vermelhos de papelão. Dona do maior fansite na cidade sobre o cantor canadense Justin Bieber, ela pretende distribuir o material nos próximos dias 8 e 9 em uma das entradas do Estádio do Morumbi, onde o maior fenômeno pop adolescente dos últimos anos se apresentará para cerca de 90.000 pessoas.

+ Saiba tudo sobre Justin Bieber em São Paulo

+ Justin Bieber estrela o documentário "Never Say Never"

Bem mais nova que Mariane, mas não menos animada, a estudante Julia Rachkorsky, de 11, tem gastado boas horas tentando descobrir o hotel em que se hospedará seu ídolo na capital paulista — não espalhem, ele ficará no Tivoli São Paulo-Mofarrej, na Alameda Santos. “Minha vida é boa, mas se ele acenar para mim ficará perfeita”, diz ela, que não desgruda os olhos da tela do computador em busca de notícias frescas. Moradora do Guarujá, Priscila Horvath, de 18, passou dez dias organizando o transporte dela e de dez pessoas para o primeiro dia do evento. Além disso, encomendou camisetas com o nome do astro para ser usadas pelo grupo no grande dia.

Fila Justin Bieber
Abertura das bilheterias, em 26 de agosto, no Estádio do Morumbi: centenas de garotas de todas as idades disputam espaço para a compra de ingressos (Foto: Luiz Carlos Murauskas)

Autor de seis álbuns (dois de estúdio, quatro coletâneas), Justin Bieber está na estrada com a turnê “My Worlds” desde o ano passado e já rodou por países da América do Norte, Europa, Ásia e Oceania. No Brasil, além de São Paulo, haverá espetáculos no Rio de Janeiro e em Porto Alegre. A apresentação acontecerá nos mesmos moldes do exterior. Um dos trechos mais esperados é a interpretação de “One Less Lonely Girl”. Nessa hora, ele escolhe uma das meninas da plateia, chama-a ao palco, lhe dá flores e a abraça. É nesse momento Cinderela que os corações produzidos por Mariane e entregues aos fãs serão levantados. No megashow, de ares cinematográficos, Justin chega a sobrevoar o público dentro de uma estrutura metálica em forma de coração — exatamente como mostra o documentário musical “Never Say Never”, visto por quase 500.000 espectadores nos cinemas do país.

+ Esquenta para o show: Justin Bieber em dez videoclipes

Fã Justin Bieber
A estudante Mariane Freitas, criadora do principal fansite de Justin Bieber no Brasil: ela gastou 1.285 reais para assistir aos dois shows em São Paulo e aos dois no Rio (Foto: Fernando Moraes)

A produtora XYZ Live, responsável pela vinda de Justin e de artistas internacionais como Amy Winehouse, considera a chegada do astro, como se diz na linguagem marqueteira, o case do ano. Apesar da expectativa em torno da cantora inglesa, que permaneceu dois anos longe dos palcos (sem falar nas crises de bebedeira), ela levou “apenas” 30.000 pessoas ao Anhembi no início do ano. No caso de Justin, resolveram duplicar o número de apresentações na cidade depois de os 5.000 ingressos da pista premium (a 460 reais!) desaparecerem em apenas doze minutos. Pelo menos outras duas empresas disputaram o passe do jovem canadense, que exigiu macarrão à bolonhesa e jujubas em forma de peixe no camarim do Morumbi.

Justin Bieber mesa
Mesa temática para festas de aniversário: com o anúncio do show na cidade, a empresa de decoração La Lutti passou a registrar cerca de vinte pedidos por mês (Foto: Divulgação)

Descoberto na internet pelo agente Scooter Braun em 2008, Justin Bieber teve uma ascensão fulminante. No mesmo ano, assinou com a gravadora americana Island Def Jam e, atualmente, é figura constante tanto nas paradas da revista Billboard quanto nas capas de publicações mundo afora. Sua trajetória tem sido intensa, apesar da pouca idade — fez 17 anos em ___ de ___ (essa é para as fãs completarem). Justin já virou estátua de cera nos museus Madame Tussauds em Londres e Nova York e atingiu a marca de mais de 3 milhões de dólares com a venda do perfume Someday. Em maio, foi eleito pela revista americana Forbes como a terceira celebridade mais poderosa do mundo, atrás de Lady Gaga e Oprah Winfrey. Em março, uma mecha de seu cabelo foi vendida por 40.000 dólares em um leilão beneficente.

+ As exigências de Justin Bieber em seu camarim

Justin Bieber cover
O estudante paulistano Ricky Pazikas, de 15 anos, pegou carona no sucesso de Justin: ele cobra 1 200 reais por uma performance em aniversários. "Danço e até dou autógrafos" (Foto: Divulgação)

As beliebers (nome dado às suas fãs) paulistanas preparam uma série de surpresas, digamos, para os dias tão aguardados. Além da homenagem com os corações, elas combinaram interpretar o estranho grito de guerra “Duck, duck, duck, duck, quack, quack, quack, quack zoooom” no início do show. A expressão é usada pelo próprio músico e por sua equipe antes de adentrarem o palco. Além disso, soltarão bexigas roxas durante o hit “Up” e empunharão luzes (de celulares ou neons) ao longo de Down to Earth.

Fã Justin Bieber
Sonho meu: Carolina Costa, de 11 anos, quer ser chamada ao palco pelo ídolo durante o hit romântico "One Less Lonely Girl" (Foto: Cida Souza)

As iniciativas foram encabeçadas por Mariane em parceria com outros fansites espalhados pelo país. Sua página é reconhecida pela gravadora Universal. Ela, que conta com a mão de obra de mais de dez colaboradores, na tradução, edição e publicação de notícias, é seguida no Twitter pelo próprio ídolo e tem acesso via Skype ao primo do cantor, Jared Marion. “Uma vez ele me colocou para falar com o pai do Bieber via webcam”, conta ela. “Eu ouvi a voz do Justin ao fundo e fiquei sem acreditar.”

+ Sabe tudo sobre o astro? Faça o quiz sobre Justin Bieber

Fãs Justin Bieber
Expresso Santos: Thiene e Priscila se juntarão a outras nove pessoas em uma van para subir a serra e conferir o show (Foto: Luiz Fernando Menezes)

O evento tem envolvido pais e (principalmente) mães, que ajudam os filhos e (especialmente) as filhas a organizar o passeio ou escolhem fazer parte da festa. A médica Alessandra Di Martino, 40 anos, vai com a pequena Lara, de 10. Preocupada com aglomeração e eventuais tumultos, desembolsou 1.300 reais por dois lugares no camarote do estádio. “Eu apoio a Lara, já passei por isso”, diz ela, que foi ao mesmo Morumbi em 1985 gritar pelos Menudos. Haja coração! 

Fãs Justin Bieber
Com o ingresso nas mãos, as amigas do Colégio Rio Branco já planejam o figurino para o grande dia: o duro é conseguir segurar a ansiedade (Foto: Cida Souza)

BABY, BABY, BABY OOOH

Alguns números locais sobre o fenômeno canadense

Show

■ Os ingressos para a pista premium na primeira apresentação do cantor,

dia 8, esgotaram-se em doze minutos.

■ 70% das 45.000 entradas para o mesmo show acabaram em dez horas.

■ Os ingressos custam entre 140 e 460 reais.

■ O camarote com bebida e comida à vontade, além de serviços de cabeleireiro e massagem, custa R$ 600,00 por criança e R$ 700,00 por adulto.

■ A Polícia Militar vai colocar 290 homens e 75 viaturas para atuar em cada dia de show.

Fansites

■ Há pelo menos quatro grandes fansites de Bieber no Brasil. O principal deles (www.bieberfeverbrasil.com) é de São Paulo.

■ Com cerca de 15.000 visualizações por dia, já teve mais de 3 milhões de acessos na cidade desde dezembro de 2010.

CDs

■ A venda de CDs dele no país é de 355.826 cópias. Só a capital paulista responde por 60% do total (atacado e varejo).

■ O álbum “My Worlds” permaneceu por oito meses (de março a outubro de 2010) no ranking dos dez mais vendidos da Livraria Cultura.

■ Justin Bieber entrou para o Livro dos Recordes de 2012 pelo vídeo mais visto na internet. O clipe Baby teve 575 milhões de visualizações no YouTube.

Cinema

■ O documentário musical sobre o cantor, "Never Say Never", levou 449.660 brasileiros ao cinema, número bastante expressivo se comparado aos pouco mais de 32.000 espectadores de "Glee 3D — O Filme", também um show em terceira dimensão com os personagens do cultuado seriado homônimo.

Fontes: XYZ Live, Polícia Militar, bieberfeverbrasil.com, Universal, Livraria Cultura e  Filme B

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO