Shows

Grupo Belle & Sebastian retorna à cidade depois de nove anos

Apresentação do septeto acontece nesta quarta (10), no Via Funchal

Por: Pedro Ivo Dubra - Atualizado em

Belle & Sebastian
O septeto: em única apresentação no Via Funchal, o grupo mostra faixas do CD 'Write about Love' (Foto: Divulgação)

Virou até qualificativo: dependendo de quem profere a frase “fulano gosta de Belle & Sebastian”, pode significar que a pessoa em questão tem sensibilidade aguçada ou apenas pose. Seja como for, a banda escocesa de indie rock só veio ao Brasil uma vez, em 2001, para o extinto Free Jazz. Tanto tempo longe faz qualquer tentativa de definição da plateia soar meio arriscada. O Via Funchal será ocupado na quarta (10) por trintões nostálgicos, gente novinha cansada de escutar o irmão mais velho falando do show de quase uma década atrás ou um pouco de tudo?

Formado em 1996, em Glasgow, o septeto capitaneado pelo vocalista Stuart Murdoch estava sem se apresentar desde 2006. No mês passado, soltou ‘Write about Love’, o oitavo registro de estúdio de uma carreira pontuada por baladas, violinos, violoncelos, referências ao grupo Smiths e versões de ‘Baby’, de Caetano Veloso, e ‘A Minha Menina’, de Jorge Ben Jor (ao vivo no Free Jazz). No CD, encontra-se a faixa ‘Little Lou’, ‘Ugly Jack’, ‘Prophet John’, com a participação da cantora americana Norah Jones — aliás, ela tem um show ao ar livre e de graça previsto para domingo (14), no Parque da Independência. A julgar pelo repertório das recentes exibições do conjunto, devem pintar no programa ‘I Want the World to Stop’ e ‘I Didn’t See It Coming’, do último trabalho, e antigas como ‘Me and the Major’, ‘Like Dylan in the Movies’ e ‘If You’re Feeling Sinister’.

Fonte: VEJA SÃO PAULO