Novidade

Bauducco abre loja permanente nos Jardins

Misto de loja e café, espaço na Alameda Lorena terá panetones e outros quitutes durante o ano inteiro

Por: Sophia Braun - Atualizado em

IMG_1910
Casa Bauducco: o salão coma linha premium da marca (Foto: Sophia Braun)

Esqueça aquela caixinha amarela que lota os supermercados antes do Natal. Na nova Casa Bauducco, nos Jardins, os panetones ganham embalagens charmosas e ficam disponíveis durante o ano inteiro.

Inaugurada no último sábado (13), a butique ocupa o mesmo imóvel onde funcionou a loja de frozen yogurts Zebra Zero, na esquina das ruas Alameda Lorena e Haddock Lobo. Há tempos micado, o ponto parece ter ganhado fôlego novo: no fim de semana de estreia, cerca de 1 000 pessoas passaram por lá.

Casa Bauducco
Panetone e chocotone: fatias aquecidas para comer na hora (Foto: Sophia Braun)

A proposta é interessante, não dá para negar. Aos 60 anos, a marca investiu em uma linha premium, produzida em menor escala em uma fábrica na região de Guarulhos. Além dos bolos natalinos, cookies (R$ 9,10), grisinis (R$ 9,50) e até croissants (R$ 9,90) de apelo artesanal distribuem-se pelas prateleiras.

Os quitutes, porém, estão longe de ser tão fresquinhos quanto os de uma padaria. A focaccia de parmesão (R$ 8,20), por exemplo, revelou-se massuda e sem graça.

Mas a loja ainda sim vale a visita. Vale principalmente pelos panetones, disponíveis em cinco (caras) versões neste fim de ano, entre elas amêndoas e gotas de chocolate com laranja (R$ 47,00 a unidade de 1 kg).

Casa Bauducco
Casa Bauducco: o balcão com café e quitutes para comer na hora (Foto: Sophia Braun)

A clássica e o chocotone (R$ 39,00 cada uma) estarão sempre em cartaz e podem ser pedidas também em fatias (R$ 4,90), para comer lá mesmo ao lado de um café (R$ 3,80). A massa é aquecida na hora, ponto positivo. Mas ficaria melhor se não fosse prensada.

Por enquanto, este é o único endereço da Casa Bauducco. Uma segunda unidade deve abrir em novembro no Shopping Eldorado.

Fonte: VEJA SÃO PAULO