Barxaréu

Por:

Confira todos os endereços:

 

  • Botecos

    Barxaréu

    Rua Joaquim Távora, 1150, Vila Mariana

    Tel: (11) 5539 2444

    VejaSP
    2 avaliações

    Quase não havia aquele montão de bares na Rua Joaquim Távora na época em que este botequim abriu, em 1992. Pertinho da pós-graduação da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), o lugar atrai uma galera de 30 e poucos anos que aparece sedenta por cervejas em garrafa (Brahma Extra, R$ 10,20; no Campo Belo, R$ 10,75), servidas na tulipa, ao lado de uma benfeita caipirinha de cachaça Velho Barreiro. Garrafas de vinho também fazem sucesso em algumas mesas nas noites mais frias. O pequeno e feinho salão, com as paredes revestidas de madeira e quadros com recortes de jornais e revistas, é preterido em relação às mesas espalhadas na calçada. Entre um golinho e outro, peça os bolinhos de carne (R$ 31,90 a porção) ou o escondidinho de carne-seca (R$ 58,90, para duas pessoas), hits locais.

    Preços checados em 26 de agosto de 2015.

    Saiba mais
  • Botecos

    Barxaréu - Campo Belo

    Rua Vieira de Morais, 1822, Campo Belo

    Tel: (11) 2738 0082 ou (11) 2738 0083

    VejaSP
    Sem avaliação

    Quase não havia aquele montão de bares na Rua Joaquim Távora na época em que este botequim abriu, em 1992. Pertinho da pós-graduação da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), o lugar atrai uma galera de 30 e poucos anos que aparece sedenta por cervejas em garrafa (Brahma Extra, R$ 10,20; no Campo Belo, R$ 10,70), servidas na tulipa, ao lado de uma benfeita caipirinha de cachaça Velho Barreiro. Garrafas de vinho também fazem sucesso em algumas mesas nas noites mais frias. O pequeno e feinho salão, com as paredes revestidas de madeira e quadros com recortes de jornais e revistas, é preterido em relação às mesas espalhadas na calçada. Entre um golinho e outro, peça os bolinhos de carne (R$ 31,90, dez unidades) ou o escondidinho de carne-seca (R$ 54,90, para duas pessoas), hits locais.

    Preços checados em 26 de agosto de 2015.

    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO