Bares

Prima Bruschetteria se dedica apenas a um tipo de petisco

Recém aportado na Vila Madalena, bar oferece 23 tipos de bruschetta

Por: Fabio Wright

Prima Bruschetteria Bares 2219
O ambiente de astral moderninho e luz baixa: bruschettas oferecidas por unidade (Foto: Mario Rodrigues)

Especialidade de origem italiana que se espalhou pelo cardápio de inúmeros endereços paulistanos, a bruschetta ganhou um espaço no qual reina soberana. Aportou na cidade um mês atrás a Prima Bruschetteria. Sucesso desde o ano passado no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, a casa instalou uma filial no coração da Vila Madalena. O ponto escolhido fica onde funcionava o extinto restaurante Cordel, na Rua Aspicuelta. Se a estrutura do imóvel mudou pouco, a decoração foi bastante renovada. Agora toda em vermelho, preto e verde e com detalhes em xadrez, tem astral moderninho e luz baixa — repare nas luminárias feitas com fundo de garrafa.

+Teatro: conheça as peças em cartaz

+ Cinema: confira as estreias da semana

+ Veja mais atrações da Vila Madalena

O cardápio elenca 23 sugestões de bruschetta, oferecidas por unidade — o que permite provar mais sabores (e encarece a conta). Elas são montadas em fatia de pão italiano com 8 centímetros de comprimento levemente tostada em char broiler (grelha aquecida em pedras vulcânicas). Algumas receitas, como a de caponata de berinjela (R$ 5,80) e a de queijo brie, mel e nozes (R$ 9,40), não empolgam. Por outro lado, causaram boa impressão a de queijo de cabra com peras cozidas em calda de vinagre balsâmico (R$ 8,90) e a de ovo caipira mexido coberto por farofinha de presunto cru e azeite trufado (R$ 9,80). As sugestões de bebida incluem a boa cerveja paulista Colorado Indica (R$ 21,00, 600 mililitros) e 27 rótulos de vinho (o tinto chileno Terra Andina Cabernet Sauvignon 2009 custa R$ 59,00). Há drinques interessantes também. Experimente o lambrusco spritz (R$ 16,00 a taça de 350 mililitros e R$ 37,00 a jarra de 1 litro). Refrescante, leva o tinto frisante da região da Emilia-Romagna mais água tônica, angostura e vodca (que quebram o adocicado do vinho) e gomos de limão-siciliano.

BEBIDAS ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | COZINHA ✪✪

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO