Cinema

CineSesc exibe longas argentinos independentes

Onze fitas portenhas integram a primeira edição do Buenos Aires Festival Internacional de Cine Independiente

Por: Miguel Barbieri Jr.

Cinema - BAFICI - 2285
Javier De Pietro e Carlos Echevarría em "Ausente": vencedor do Teddy no Festival de Berlim (Foto: Divulgação)

A partir de sexta (7), o CineSesc sedia a primeira edição do Buenos Aires Festival Internacional de Cine Independiente (Bafici). Trata-se de uma seleção com onze longas-metragens realizados nos dois últimos anos e que encontraram distribuição apenas no circuito menos comercial da cidade portenha. O foco da mostra não está nos trabalhos do ator Ricardo Darín (“O Segredo dos Seus Olhos”) nem nas fitas consagradas do diretor Pablo Trapero (“Abutres”).

Entre as melhores opções aparece o drama “Ausente”, premiado com o Teddy, troféu para filmes gays do Festival de Berlim. A trama, cuja projeção ocorre no sábado (8), às 21h, mostra o plano de um adolescente de 16 anos para seduzir seu professor de natação — os personagens são interpretados por Javier De Pietro e Carlos Echevarría (foto acima).

+ Confira as salas e horários dos melhores filmes em cartaz

+ As estreias da semana

Numa linha mais leve, há a comédia “Masterplan”, ficção de estreia dos irmãos Diego e Pablo Levy. O enredo aborda uma tramoia malsucedida capaz de virar do avesso a vida de um golpista. Também merece atenção “Norberto Apenas Tarde”, primeira investida na direção do ator Daniel Hendler (“O Abraço Partido”), marcada para a próxima semana. O ingresso custa R$ 4,00.

Fonte: VEJA SÃO PAULO