Cidade

Auditório do Ibirapuera passa a se chamar Oscar Niemeyer

Arquiteto é responsável por projeto do espaço e de outros quatro edifícios que compõem complexo do parque

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM

O Auditório do Ibirapuera agora se chama Oscar Niemeyer, uma homenagem ao arquiteto responsável pelo projeto. A lei que altera a denominação do espaço foi sancionada pelo prefeito Fernando Haddad no último sábado (19).

+ O roteiro de obras de Oscar Niemeyer em São Paulo

Projetado por Niemeyer nos anos 1950, o prédio só começou a ser construído em fevereiro de 2003 — a primeira apresentação ocorreu em outubro de 2005. No ano passado, o Itaú Cultural assumiu a gestão da casa, que comporta 800 pessoas e que pode receber até 15 000 participantes em shows ao ar livre. Um mecanismo na parte de trás do palco permite a abertura para que o espetáculo aconteça virado para o parque.

+ Confira o que acontece na cidade

O complexo arquitetônico do Parque do Ibirapuera, formado por cinco prédios interligados por uma marquise, foi criado para comemorar os 400 anos da cidade. Ali, cinco construções têm a assinatura de Niemeyer: o Pavilhão Cicillo Matarazzo (atual Pavilhão da Bienal de São Paulo), o Museu de Arte Contemporânea, o Museu Afro Brasileiro, a Oca, a Grande Marquise (onde está situado o Museu de Arte Moderna) e o Auditório Ibirapuera.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO