Roteiro

Atrações gratuitas para aproveitar com as crianças

Exposição, planetário e até atividade física para a garotada se divertir, e os pais não colarem a mão no bolso

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

Planetário
Planetário: a meninada aprende sobre alguns objetos celestes que podem ser observados durante as noites claras (Foto: Andre Camilli/SVMA)

Quem ainda não levou as crianças para conferir a 30ª Bienal de São Paulo tem a última chance neste fim de semana. A exposição termina no domingo (9) e é uma das opções de programas a custo zero. Para curtir a cidade com os pequenos sem gastar, há também o Planetário do Ibirapuera e a mostra Tatiana Belinky – Moradora de Livros

Veja abaixo outras sugestões:

  • O bambolê não é um brinquedo com o qual as crianças atualmente estão acostumadas. A oficina tem por objeto retomar a vivência com o objeto, a fim de estimular o ritmo, coordenação motora e o lazer, trabalhando a lembrança de atividades antigas. Deck. Grátis. Até 14/12/2012.
    Saiba mais
  • Depois de fazer uma mostra muito política em 2010, a Bienal de São Paulo chega à trigésima edição mais intimista. Sob o (vago, diga-se) tema “A iminência das poéticas”, o curador venezuelano Luis Pérez-Oramas reuniu cerca de 2.900 obras de 111 artistas. De montagem bem mais organizada e, felizmente, com menos vídeos do que a edição anterior, a exposição acerta ao voltar a dar alguma ênfase à pintura. Os tons claros das abstrações de John Zurier, o talento figurativo de Eduardo Berliner e os jogos cromáticos de Lucia Laguna e Juan Iribarren (acertadamente colocados em salas vizinhas) são dignos de nota nesse gênero. Também não faltam bons fotógrafos: August Sander, Saul Fletcher, Sofi a Borges e Alberto Bitar entre eles. Indispensáveis ainda são as instalações do esquizofrênico e genial Arthur Bispo do Rosário, os exercícios construtivos de Waldemar Cordeiro e as delicadas esculturas de arame da venezuelana Gego. Há excessos (os próprios vídeos, de modo geral), algo típico para um evento desse porte, mas os pontos positivos compensam os problemas. De 07/09/2012 a 09/12/2012.
    Saiba mais
  • Batizada com o nome de uma obra literária infantojuvenil, a mostra Tatiana Belinky – Moradora de Livros agrupa peças que exploram a vida e obra da escritora russa que veio para o Brasil ainda pequena e, mais tarde, tornou-se famosa por essas terras. Por meio de recursos cenográficos, tecnológicos e elementos lúdicos, o visitante conhece a trajetória da autora e sua relação com o Brasil — um dos primeiros livros que Tatiana leu em português foi o almanaque do Jeca Tatuzinho, de Monteiro Lobato. Até 15/12/2012. Grátis.
    Saiba mais
  • Parques

    Planetário do Ibirapuera

    Avenida Pedro Álvares Cabral, Portão 10, Parque Ibirapuera

    Tel: (11) 5575 5206

    VejaSP
    3 avaliações

    Depois de mais de dois anos fechado para reforma, o Planetário do Ibirapuera volta a ser uma opção de lazer para os paulistanos. Inaugurado em 1957 e reaberto no fim de janeiro, o espaço sempre esteve no currículo de passeios das escolas. Mas vale a pena fazer a visita em família. Primeira dica: programe-se para ir durante este mês de fevereiro. É quando todas as quatro sessões diárias, de terça a domingo, são abertas ao público. A partir de março, o horário se restringirá aos fins de semana. Durante a exibição, todas as luzes se apagam, claro. Por isso, vale ficar de olho na nossa recomendação etária (a partir de 5 anos) e avisar as crianças antes do início que os próximos quarenta minutos serão no escuro. Mas não se preocupe: basta o novo projetor alemão Zeiss Starmaster começar o seu trabalho para que todos fiquem hipnotizados. Na sala de 550 metros quadrados em formato circular, os meninos e meninas deitados em poltronas similares às de cinema podem vislumbrar o céu do verão paulistano de uma forma bem diferente, sem poluição, luzes da cidade ou qualquer nebulosidade. Estrelas, planetas, meteoros e cometas aparecem como bonitos pontos iluminados em um cenário digno de filme. Uma aulinha explicativa acompanha cada trecho da apresentação e entretém inclusive os adultos. Um programa divertido, educativo, grátis e — sem trocadilhos — quatro-estrelas na cotação de VEJA SÃO PAULO. Recomendado a partir de 5 anos.

    Saiba mais
  • A instalação faz parte do projeto Autores Ilustradores, que une as linguagens da literatura e das artes visuais, foi criada a partir da costumeira pergunta que toda criança faz ao ter contato com seu primeiro livro de histórias, Tem figura?. Três jovens “autoras-ilustradoras” - Laura Teixeira, Renata Bueno e Veridiana Scarpelli – aventuram-se no universo literário com a criação de livros infantis e descobrem novas formas de expressão que divertem e educam. Acontece de 25/09 a 16/12. Terça a sexta, das 9h às 21h30; sábados, das 10h às 21h30; domingos e feriado, das 10h às 18h30. Grátis.
    Saiba mais
  • Classifcada pelo Ibama e pelo Centro de Fauna Silvestre da Secretaria Estadual do Meio Ambiente como um “zoológico”, a exposição deixa a criançada bem pertinho do universo de várias espécies por meio de atividades curiosas. Entre elas, assistir a uma corrida de baratas em um circuito de madeira com cinco raias e tampo de acrílico ou tocar em larvas de bichos-da-seda. Uma das estrelas da mostra é o besouro Titanus giganteus, considerado o maior do mundo (chega a medir 22 centímetros de comprimento). Mas o visitante também pode observar a rotina de insetos menorzinhos. As formigas, por exemplo, ficam em um formigueiro construído em cubos de vidro e ligado por mangueiras de borracha. Observação: atração por tempo indeterminado. Em dias de feriado, consulte previamente o museu: (11) 2613 9500.
    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO