COMPORTAMENTO

Astróloga explica o que é sinastria e fala sobre combinação dos signos

Andreia Modesto fala sobre o estudo da conjugação e a comparação de dois ou mais mapas astrológicos 

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Sinestria
Sinastria tenta compreender e melhorar os pontos do relacionamento entre as pessoas (Foto: Reprodução)

Abaixo, a astróloga Andreia Modesto explica o que é sinastria: 

Sinastria é o estudo de um relacionamento por meio da astrologia. É a conjugação e a comparação de dois ou mais mapas astrológicos entre si, para analisar os pontos positivos e negativos de qualquer tipo de relação.

É possível avaliar relacionamentos profissionais, comerciais, estudar a relação do chefe com sua equipe, estudar a interação de uma família e entender melhor uma boa amizade. É bastante comum que um funcionário que ganha um novo chefe, consiga obter pelo menos dia, mês e ano de nascimento desse chefe para tentar compreender como será esse entrosamento no cotidiano de trabalho.

+ Astróloga faz as previsões de cada signo para 2016

As sinastrias mais solicitadas são as amorosas. E obviamente, quando um relacionamento está prestes a começar, ou o oposto, quando uma relação dá sinais de que pode vir a terminar.

Quando o casal está vivendo uma fase positiva, dificilmente solicita uma sinastria, o que seria importante de qualquer modo,  para poderem fazer projetos de vida e evitar grandes crises mais à frente.

O objetivo de uma sinastria é não somente compreender o que se pode esperar da relação, mas também, melhorar o relacionamento nos seus pontos mais frágeis.

O ascendente, que é o signo que marca a nossa “entrada” nesse mundo material, pois rege o momento do nascimento, frequentemente funciona como uma “antena” para aquele signo que rege o ascendente.

É o signo que faz a ponte entre nós e o mundo ao nosso redor, como nos apresentamos, como as pessoas nos percebem. Não é uma regra, mas é comum que tenhamos uma tendência a atrair pessoas nascidas no mesmo signo que o nosso signo ascendente ou nosso planeta Vênus, um dos símbolos mais fortes para a vida amorosa.

A preocupação em compreender qual é o melhor signo que combina com o nosso, não se limita a conjugação entre os dois signos solares, mas a combinação entre todos os planetas entre si. A análise das compatibilidades da Lua, que representa a “harmonia doméstica” e é símbolo de nossas necessidades emocionais, é tão importante quanto o Sol.

+ Astróloga fala sobre como são os signos nos relacionamentos amorosos

Mercúrio, planeta da comunicação, faz o elo entre as pessoas de qualquer tipo de relacionamento. Junto com Sol, Vênus, Marte, Juno e Lua, precisa ser enfatizado na análise dos relacionamentos. Pois não adianta se amar muito e não conseguir se comunicar bem um com o outro.

Existem vários outros posicionamentos dentro do mapa astral. Mas esses que citei são aqueles que têm um peso maior quando se deseja estudar uma sinastria amorosa.

As oposições podem gerar atração numa sinastria. Então, a Lua do homem em oposição ao planeta Marte da mulher pode significar muita atração física e chance de terem filhos. Vênus do homem em oposição ao Marte da mulher é outro aspecto de muita atração mútua.

A análise dos elementos também é válida. São quatro elementos: fogo, terra, ar e água. Muitas vezes as incompatibilidades acontecem porque quem tem muito elemento fogo, não tem paciência com aqueles que têm uma estrutura do elemento  terra.

Áries, Leão e Sagitário podem procurar relações intensas que assustam a quem procura segurança, como Touro, Virgem e Capricórnio.  Ou quem tem muito elemento ar não consegue sintonia com a emoção do elemento água. Então, Gêmeos, Libra e Aquário são muito racionais e o elemento água, que é muito emotivo, encontram dificuldades em seguir juntos.

Muitas pessoas dizem que não devemos nos relacionar com um signo anterior ao nosso, porque esse signo seria o nosso “inferno astral”. É uma bobagem. Thais Araújo é nascida em Sagitário  e Lázaro Ramos em Escorpião e têm um casamento feliz há anos.

Confira abaixo algumas combinações:

Áries: Harmonia com Leão e Sagitário. Admira Aquário e Capricórnio, mas a convivência pode ser difícil. Sente atração por Libra e poderiam formar o par perfeito. Não tem paciência com Touro, Virgem ou Peixes. A relação com Escorpião pode ser intensa e tensa demais. É bom amigo para Gêmeos, mas não entende como Câncer funciona. Nem sempre dois arianos conseguem paz e harmonia debaixo do mesmo teto.

Touro: Harmonia com Libra, Câncer, Virgem e Capricórnio. Atração por Escorpião. Boa amizade com Peixes. Não tem paciência com Áries e Aquário. Admira e se apaixona por Leão, mas a convivência nem sempre é fácil. Bom amigo de Gêmeos e Sagitário, mas não consegue acompanhá-los. Dois parceiros em Touro podem ter relação duradoura.

Gêmeos: Harmonia com Libra, Aquário, Peixes. Atrai Sagitário e se sente atraído. Perde a paciência com Touro e Câncer. Admira Virgem e conseguem trabalhar juntos. Sente fascínio por Escorpião mas o relacionamento é tenso. Amizade com Áries e dificuldades com Capricórnio. Amizade com Leão pode progredir para amor. Dois geminianos se divertem um bocado juntos. 

Câncer: Harmonia com Peixes, Escorpião, Leão, Touro e Libra. Atração por Capricórnio, casamento perfeito. Impaciente com Gêmeos, magoa-se com Virgem. Admira Áries, mas não consegue boa convivência. Conflitos com Aquário e Sagitário. Dois cancerianos podem ter casamento longo e muitos filhos. 

Leão: Harmonia com  Áries, Sagitário, Touro e Câncer. Atração por Aquário que nem sempre resulta em bom casamento. Bom amigo de Virgem e Gêmeos. Admira Escorpião mas não confia muito. Admira Capricórnio mas entra em conflito. Admira Libra e acaba se apaixonando. Não entende como Peixes funciona. Dois leoninos, casamento de rei e rainha. 

Virgem: Harmonia com Touro e Capricórnio. Impaciente com Áries, irritado com Câncer. Bom amigo de Gêmeos, Sagitário e Aquário, que admira intelectualmente. Bom amigo de Leão que o impressiona e surpreende. Atrai Peixes com quem consegue uma sintonia profunda. Foge de Escorpião, mas consegue se interessar por Libra durante um tempo. Dois virginianos juntos podem brigar por bobagens. 

Libra: Harmonia com  Gêmeos, Aquário, Peixes, Touro e Câncer. Atrai Áries para um relacionamento forte. Paixão por Leão, interesse e fascínio por Escorpião. Compromisso com Sagitário, que admira. Respeita Capricórnio e tem curiosidade por Virgem. Dois librianos podem viver um para o outro. 

Escorpião: Harmonia com Câncer e Peixes. Atrai Touro para o casamento, briga com Áries e admira Leão por quem facilmente se apaixona. Libra é outra paixão. Com Sagitário e Aquário, loucas aventuras. Impaciência com Capricórnio, brigas bobas com Virgem. Jogo de sedução com Gêmeos. Dois escorpiões formam um casamento profundo e mágico. 

Sagitário: Harmonia com Áries e Leão. Bom amigo de Touro, atrai Gêmeos com quem pode casar ou trabalhar muito bem. Amizade e viagens com Virgem e Aquário. Conflitos com Câncer. Aventuras com Escorpião, admiração, respeito e compromisso com Libra. Conexão espiritual com Peixes. Foge de Capricórnio. Dois sagitarianos nem sempre formam um casal harmonioso. 

Capricórnio: Harmonia com Touro e Virgem. Atrai Câncer e constrói família. Respeita Áries, mas a relação é tensa. Não compreende Escorpião e Peixes. Gosta do papo de Gêmeos, mas não leva a sério. Admira e suporta Leão. Fascínio por Libra e se deixa seduzir. Arrisca com  Sagitário e Aquário e se arrepende. Dois capricornianos formam um casamento sólido e duradouro.

Aquário: Harmonia com Gêmeos e Libra. Atrai Leão mas nem sempre a convivência é fácil. Ama Peixes profundamente. Fascínio e conflito com Touro e Áries. Companheiro e amigo de Sagitário. Bom colega de Virgem. Conflitos com Câncer. Relações curtas e intensas com Escorpião. Fica perplexo com Capricórnio. Dois aquarianos são excelentes amigos e amantes.

Peixes: Harmonia com Câncer, Escorpião, Gêmeos e Libra. Dificuldades com Leão e Áries. Atrai Virgem e são ser grandes amigos. Companheiro de jornada espiritual de Sagitário. Amizade com Touro. Magoa-se com Capricórnio. Facilidade e paixão com Aquário. Dois piscianos podem ter uma conexão espiritual no casamento.

Fonte: VEJA SÃO PAULO