exposição

Árvores são vestidas com calças jeans em instalação de Peter Coffin

A intervenção urbana chamada Pé de Jeans faz parte da exposição interativa MOVE!, que fica em cartaz até esta quarta (20), no Sesc Belenzinho

Por: Livia Deodato - Atualizado em

Pe de Jeans, Peter Coffin, MOVE
A instalação 'Pé de Jeans', de Peter Coffin, na Rua Oscar Freire (Foto: Divulgação)

Se você vir uma árvore vestida de calça jeans pela cidade nos próximos dias, não se assuste: a instalação é parte da exposição MOVE!, em cartaz no Sesc Belenzinho até quarta (20). Depois de ser exibida no MoMA, em Nova York, a mostra chega ao Brasil para propor novas discussões entre moda e arte.

+ Leia mais sobre a mostra MOVE!, que vai reunir nomes como Herchcovitch, Vik Muniz e Marc Jacobs

Oito grupos de estilistas e artistas, brasileiros e estrangeiros (entre eles, Dudu Bertholini e Diane von Fürstenberg), criaram trabalhos lúdicos para que o público possa interagir e ter a sua própria experiência em meio ao universo da moda e da arte. Exemplo disso é a instalação do artista americano Peter Coffin que, em uma parceria com a marca Ellus, vestiu árvores com calças jeans. "É um trabalho muito interessante, que chama a atenção pelo absurdo", diz.

A ideia é que o seu trabalho funcione como teaser da mostra: as árvores vestidas com calças jeans estão espalhadas em cinco pontos da capital, com o objetivo de intrigar o público e fazê-los visitar a exposição.

A escolha das árvores não foi feita de forma aleatória. Os lugares onde o artista deveria trabalhar foram dados pela organização do evento: em dois pontos da Rua Oscar Freire, 990 (em frente a loja Ellus) e no número 608, quase esquina com R. Augusta; no canteiro central da Av. Alcântara Machado, entre as lojas Kalunga e a concessionária Ford, próximo ao Sesc Belenzinho; no canteiro central da Av. 9 de Julho, altura do número 5 000, onde há duas árvores vestidas; e no canteiro central da Av. Henrique Schaumann, em frente às Lojas Americanas.

O que ficou à critério de Peter Coffin foi a escolha das árvores. "Procuramos por árvores que tivessem um formato humano, o que não foi muito fácil", diz. Escolhido o tronco, Peter tem um trabalho de estilista: tirar as medidas e confeccionar os jeans "sob medida para as árvores". Daí o nome da instalação, Pé de Jeans.

Corra para ver, porque as peças não costumam durar muito em locais públicos. Em Nova York, não resistiram nem mesmo dois dias.

Fonte: VEJA SÃO PAULO