criminalidade

Após discussão, policial atira em aposentado na Zona Leste

Mário Aparecido dos Santos foi atingido no pescoço depois de trocar empurrões e tapas com PM

Por: Redação VEJA SÃOPAULO.COM - Atualizado em

Mário Aparecido dos Santos, 63 anos, foi baleado no pescoço após discutir com uma policial militar no bairro Cidade AE Carvalho, na Zona Leste da cidade, na tarde de domingo (10). O caso aconteceu quando a vítima tentava defender a filha, que havia sido abordada quando estava na garupa da moto do namorado. Após a confusão, a PM foi presa.

+ Menino atacado por tigre afirma que pai não teve culpa

De acordo com informações divulgadas pela Secretaria da Segurança Pública, o casal circulava pelas ruas do bairro sem capacete quando os policiais militares fizeram sinal para o motociclista parar. 

O rapaz não obedeceu e foi perseguido, parando o veículo perto da casa do sogro. Durante a abordagem, familiares e moradores cercaram os policiais. Nesse momento, a policial e Mário trocaram tapas e empurrões.

Após disparar duas vezes para o alto, a PM acertou um terceiro tiro no pescoço de Mário. Ele foi encaminhado para o Hospital Ermelino Matarazzo e seu quadro agora é estável. Já a agente foi presa por lesão corporal grave e encaminhada para o presídio militar Romão Gomes. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO