Mistérios da Cidade

Aplicativo desvenda quem são os nomes por trás das ruas

Dez ruas da Zona Oeste terão seus nomes de batismo estudados por meio de QR codes colados sobre as placas

Por: Mauricio Xavier [Com reportagem de Lívia Roncolato e Silas Colombo]

Danilo Dualiby e Marcos Rodrigues - Street Code
Danilo Dualiby (à esq.) e Marcos Rodrigues: os idealizadores do Street Code (Foto: Lucas Lima)

No passeio de domingo, talvez você já tenha se perguntado quem foi o tal do Oscar Freire, nome escolhido para batizar a famosa rua. O projeto Street Code pode ajudar a esclarecer a questão. Com um investimento de apenas 200 reais, os publicitários Danilo Dualiby (à dir.) e Marcos Rodrigues imprimiram e fixaram 100 adesivos sob as placas de dez ruas da Zona Oeste. Os colantes possuem um QR code que, acionado pelo smartphone, encaminha o usuário à página da personalidade na Wikipédia (abaixo, alguns exemplos). 

Brigadeiro Luís Antônio: o militar era o proprietário do primeiro navio que partiu do Porto de Santos com mercadorias rumo a Lisboa

Haddock Lobo: aplicou a primeira anestesia no país, em um experimento na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, em 1847.

Henrique Schaumann: farmacêutico, liderou campanhas contra epidemias de peste e fundou o Hospital Samaritano, em 1894.

Oscar Freire: o baiano introduziu o ensino de medicina legal na Universidade de São Paulo, em 1918.

Teodoro Sampaio: filho de escrava, o engenheiro foi um dos responsáveis pelo projeto urbano da capital entre os séculos XIX e XX.

+ Site acompanha e avalia a atuação dos vereadores da cidade

+ Mais de 12 milhões de turistas passaram por SP ano passado

+ Corinthians propõe um diploma de torcedor

Fonte: VEJA SÃO PAULO