Cinema

Anima Mundi exibe filme dos Beatles entre os destaques

Festival reúne animações de todo o mundo com sessões a 10,00 reais e promove encontro com diretores

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Pela 22ª vez o Anima Mundi, segundo maior evento internacional de animações no setor, chega à cidade. Entre os dias 6 e 10 de agosto, o festival deve atrair cerca de 100 000 fãs do gênero ao Espaço Itaú de Cinema, na Rua Augusta, com sessões a 10,00 reais.

+ Saiba lugares para lanchar após curtir o Anima Mundi

+ Outras notícias sobre cinema

Na programação, o público encontra muitas opções para ver ao lado de crianças e adolescentes, como é o caso de Minhocas, o primeiro filme de animação em stop motion produzido na América Latina, e Yellow Submarine, clássico filme animado dos Beatles, que terá exibição de sua cópia restaurada no festival.

Confira trechos de filmes brasileiros que integram a programação

A dinâmica do evento permanece a mesma. Os curtas e longas-metragens são divididos em dois quesitos: não-competitivos e competitivos, e serão avaliados por um júri especializado e pelo voto popular. Para a edição de 2014, a organização recebeu um recorde de inscrições. Ao todo 1928 filmes se tranformaram em apenas 418 obras para a competição.

Todos os títulos representam países como França, Alemanha, Holanda e Índia, entre outros. O Brasil também se tornou um grande produtor de animações e entra na disputa com o filme O Menino e o Mundo, de Alê Abreu, que conta a história de um menino em busca do pai e é um dos destaques do evento.

Confira trechos de filmes estrangeiros que estão no festival

Há programação também fora das salas de cinema. Entre as atrações estão os encontros com animadores convidados e uma série de oficinas gratuitas de técnicas como desenho animado, massinha (stop-motion) e animação em película.

Participam de bate-papos com o público o americano Chris Landreth, que é vencedor do Oscar de Melhor Curta de Animação em 2011 por Ryan, o veterano Robert Balser, um dos diretores de Yellow Submarine, e o premiado Eric Goldberg, entre outros cineastas. Este último fala sobre a experiência nos estúdios Disney e de produções de sucesso como Pocahontas, Aladdin, A Bela e a Fera e Fantasia 2000.

Fonte: VEJA SÃO PAULO