Cinema

Amelia Earhart: biografia da aviadora vira filme

A diretora indiana Mira Nair faz bonito no quesito técnico

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

Amelia Earhart_2158
A atriz Hilary Swank no papel da protagonista: primeira mulher a atravessar o Atlântico (Foto: Divulgação)

A americana Hilary Swank, de 35 anos, é uma das poucas intérpretes que conquistaram dois Oscar de melhor atriz. Fora dos padrões de beleza, a estrela tem colecionado papéis de mulheres marcantes. Vide suas atuações em ‘Meninos Não Choram’ (1999) e ‘Menina de Ouro’ (2004), recompensadas com a cobiçada estatueta. O projeto de ‘Amelia’ tinha predicados para render a Hilary uma nova indicação neste ano. Afinal, a badalada diretora indiana Mira Nair (de ‘Nome de Família’ e ‘Feira das Vaidades’) recontaria no cinema a história da lendária aviadora americana Amelia Earhart (1897-1937). Mas o resultado frustrou as expectativas, e o longa-metragem foi solenemente ignorado nas premiações.

‘Amelia’ já havia sido tema de produções para a TV em 1976 e 1994. No entanto, sua biografia robusta pedia algo mais opulento. Por isso, no quesito técnico, a fita de Mira Nair não faz feio. Estão lá a sentimental trilha sonora de Gabriel Yared (O Paciente Inglês) para acompanhar as cenas aéreas contemplativas e a caprichada reprodução de época. O roteiro foca quase uma década na vida da personagem. Em 1928, ela foi a primeira mulher a cruzar o Atlântico como passageira. Tornou-se, em 1932, a aviadora número 1 ao refazer a travessia pilotando, sozinha, o próprio avião. Cinco anos depois, desejava ser novamente pioneira ao dar a volta ao mundo. Reservados a essa aventura, os dez minutos finais do filme são tratados de forma bastante tensa. A trama ainda rabisca o casamento da protagonista com o relações-públicas George Putnam (Richard Gere) e seu amor obscuro pelo aviador Gene Vidal (Ewan McGregor), pai do futuro escritor Gore Vidal. Embora jamais arrebate, ‘Amelia’ cumpre seu papel: mostrar às novas gerações uma mulher à frente de seu tempo.

Amelia, de Mira Nair (Amelia, EUA/Canadá, 2009, 111min). 12 anos. Estreou em 26/3/2010. Anália Franco 9, Frei Caneca Unibanco 8, Jardim Sul 11, Kinoplex Itaim 1, Morumbi — Cine TAM 1, Villa-Lobos 2.

AVALIAÇÃO ✪✪✪

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO