Olimpíada

Alarme falso de incêndio faz centro de TV da Olimpíada ser evacuado

Centro Internacional de Transmissão (IBC), localizado no Parque Olímpico da Rio-2016, teve de ser evacuado

Por: Veja São Paulo

centro-imprensa
Imagem aérea do IBC no fim de outubro de 2015 (Foto: André Motta/Heusi Action/Brasil2016.gov.br)

Um alarme falso de incêndio fez o prédio do Centro Internacional de Transmissão (IBC), localizado na Vila Olímpica, no Rio de Janeiro, ser evacuado na noite deste domingo (7). O local é usado pelas emissoras de TV que transmitem as competições desta Olimpíada. De acordo com o comitê orgnizador, a evacuação foi ordeira, rápida e precisa. A entrada no prédio já foi liberada. 

+ Luciano Huck é vaiado durante jogo da seleção de vôlei masculino

Mario Andrada, diretor de comunicação do Comitê Organizador da Rio 2016, não soube dizer se o alarme disparou por falha técnica ou humana porém, garantiu que o local está seguro e pode ser reocupado.

+ “Agora sou a Coroa de Ipanema”, diz Helô Pinheiro, a Garota de Ipanema original

+ Gisele Bündchen brilha na abertura da Olimpíada; relembre momentos marcantes de sua carreira

O prédio foi construído especialmente para a Olimpíada e entregue em novembro de 2015. O IBC está incluído na Parceria Público-Privada do Parque Olímpico da Barra, firmada com a Concessionária Rio Mais, num total de 1,68 bilhão de reais, segundo a Matriz de Responsabilidades. De acordo com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, o valor específico investido no IBC é de 400 milhões de reais. O edifício principal tem 68 mil m2 de área construída, com 21 metros de altura e dois andares, e conta com 12 pavilhões. 

+Time feminino da ginástica artística levanta torcida na arena olímpica

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO