Fotógrafo registra animais silvestres em ambientes domésticos

O mineiro João Castilho, que participa da SP-Arte/Foto, retrata bichos como onça, coruja e cobra dentro de casas

O fotógrafo mineiro João Castilho aproveitou a bolsa que ganhou no ano passado de uma parceria entre a Revista ZUM e o Instituto Moreira Salles para realizar um projeto inusitado: registrar animais como uma onça, uma cascavel e uma coruja deslocados em ambientes domésticos.

 

A série, batizada de Zoo, será parcialmente apresentada na SP-Arte/Foto, que tem início nesta quinta-feira (21) no Shopping JK Iguatemi, em São Paulo. O trabalho completo será exposto na galeria Celma Albuquerque, localizada na capital mineira, a partir de 6 de setembro.

Os retratos de João Castilho, como o tatu que se enfia numa gaveta de escritório ou a arara empoleirada numa cadeira, causam estranheza. “Estar face a face com um animal nos faz retornar a algo primitivo, ancestral e talvez, quem sabe, por um breve instante nos transformamos em uma onça ou um jaguar”, diz o artista sobre a série.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s