Museus da capital celebram o Dia da Consciência Negra

MIS, Sesc e Museu Afro oferecem programações especiais para aproveitar o feriado 

Os museus da capital celebram o Dia da Consciência Negra (20) com programações especiais e oferecem ótimas opções para quem fica por aqui no feriadão. De exposições e workshops a foodtrucks e shows, os eventos são gratuitos e para todas as idades. Veja abaixo todas as opções e escolha o seu programa favorito:

+ Veja quais são as outras exposições em cartaz na cidade

MIS

Três shows serão apresentados no jardim do museu: a roda de samba Prato Principal, na sexta (20), às 15h; a banda de groove e rock Associação Livre Invisível que convida o cantor de soul Gerson King Combo, no sábado (21), às 17h; e, para o domingo (22) a animação fica por conta do grupo DoBrás, que ao lado de Izzy Gordon toca versões suingadas de clássicos da música brasileira.

+ Ativismo feminino é tema de mostra no Masp

Quem for curtir os shows pode ainda degustar comidas típicas brasileiras, como acarajé, tapioca, cachaças e docinhos. E, para homenagear um dos atores mais importantes do audiovisual brasileiro, tendo participado de centenas de projetos entre filmes, telenovelas, séries e minisséries, o MIS apresenta a Mostra Milton Gonçalves.

Zumbi_foto Tiago Santana (3)

Zumbi_foto Tiago Santana (3)

Sesc Vila Mariana

O destaque entre as exposições que homenageiam o Dia da Consciência Negra é a mostra Zumbi – A Guerra do Povo Negro, no Sesc Vila Mariana. Com abertura na sexta (20), a mostra tem curadoria do jornalista Audálio Dantas e conta sobre a história do Quilombo de Palmares, fundado por escravos foragidos em 1597. Foi o maior quilombo do período colonial, tendo resistido à escravidão e ameaçando o poder hegemônico da Coroa portuguesa por quase 100 anos. Ele teve como seu último líder, o Zumbi.

Estrada para o exílio de Barthélémy Toguo - foto Denise Andrade

Estrada para o exílio de Barthélémy Toguo – foto Denise Andrade

 

Sesc Belenzinho

A exposição AquiAfrica reúne obras de treze artistas contemporâneos de onze países da África subsaariana – também chamada de África Negra. Com abertura na quinta (19), a mostra faz parte do projeto ART for the World, da curadora suíça Adelina von Fürstenberg. Vídeos, pinturas, esculturas, instalações e fotografias abordam questões-chave para o povo africano, como os problemas de imigração, a xenofobia, o consumo desenfreado, as tradições culturais e os sistemas de poder vigentes em seu continente.

+ Saiba qual é o mais novo espaço cultural inaugurado na Vila Leopoldina

Entre os artistas participantes, dois vieram para o Brasil produzir suas instalações. Em Estrada para o exílio, o camaronense Barthélémy Toguo construiu um barco de oito metros que flutua sobre um mar de mil garrafas PET. Equilibrando uma torre de sacolas plásticas e trouxas de roupas, a obra faz uma alusão aos barcos de imigrantes que se arriscam no mar em busca de refúgio em outros países. 

Pierre Verger

Pierre Verger

Museu Afro Brasil

Em paralelo à exposição do francês Pierre Verger, será lançado o livro Cozinhando História: receitas, histórias e mitos de pratos afro-brasileiros, na sexta (20). Organizado por Josmara Fregonese, Marlene Jesus da Costa e Nancy de Souza, a publicação (49 reais) mostra receitas e histórias relacionadas às origens afro-brasileiras. Nas oficinas de culinária, o público põe a mão na massa e prepara os deliciosos pratos indicados no livro.

Às 11h, os visitantes terão a oportunidade de conhecer narrativas africanas ou afro-brasileiras a na contação de histórias Aos Pés do Baobá.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s