Mostra sobre o diretor Oscar Micheaux exibe filmes raros

Longas das décadas de 20 a 50 entram em cartaz no CCBB e retratam o cinema negro de Micheaux

No auge da segregação racial nos Estados Unidos, Oscar Micheaux foi um pioneiro. Fez filmes com negros e para negros entre as décadas de 20 e 50. Diretor de 42 fitas, atuou também como produtor e distribuidor de cinema. Ele ganha, a partir de quarta (24), uma retrospectiva no Centro Cultural Banco do Brasil. A mostra Oscar Micheaux: o Cinema Negro e a Segregação Racial vai exibir dez longas do cineasta, como Dentro de Nossas Portas (1920), programado para sábado (27) às 14h. A fita traz a história de uma jovem que esconde segredos do passado.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s