Morre aos 70 anos o sambista Almir Guineto

Ele estava internado em um hospital carioca por complicações causadas por problemas renais crônicos e diabetes

Morreu na manhã desta sexta (5) o sambista carioca Almir Guineto, um dos fundadores do grupo Fundo de Quintal. Ele estava em tratamento no Hospital Clementino Fraga Filho, na Zona Norte do Rio de Janeiro, mas não resistiu a complicações de problemas renais crônicos e diabetes.

A família do cantor agradeceu pelas orações e o carinho de todos os fãs e admiradores em um texto publicado no Facebook. As informações sobre o velório e o sepultamento ainda não foram divulgadas.

Nascido no morro do Salgueiro, Guineto era filho de sambistas e esteve em contato com o gênero desde criança. Nos anos 80, ajudou a criar o grupo Fundo de Quintal, mas deixou o grupo após o lançamento do primeiro disco, seguindo carreira solo desde então.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s