Kusama no Tomie Ohtake: melhores horários de visita

A exposição da artista japonesa entra na sua última semana; veja como evitar as maiores filas

Chega ao fim neste domingo (27) a exposição Yayoi Kusama – Obsessão Infinita, em cartaz no Instituto Tomie Ohtake. Quem ainda não viu os trabalhos da artista japonesa ou pretende revê-los deve se planejar para evitar as imensas filas que se formam em frente ao prédio.

 

O melhor, segundo os organizadores do evento, é chegar ao local no início do dia, até as 10h, uma hora antes da abertura da mostra. Fazer a visita durante a semana, até sexta (25), também é uma boa alternativa para aliviar um pouco a espera. Neste sábado (26) e no domingo (27), as filas de entrada podem durar até três horas.

Atenção: apesar de o horário de funcionamento se estender das 11h às 20h, os funcionários do local não permitem a entrada do público após as 17h. A medida foi tomada porque a visita aos ambientes internos, onde também há filas para ingressar nas salas, dura em média duas horas.

Desde o dia 22 de maio, quando foi aberta a retrospectiva, já passaram pelo Tomie Ohtake mais de 500 000 pessoas.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s