Testamos o playground Sobre as Redes

O brinquedo que está pela primeira vez em São Paulo fica no empreendimento até o dia 31 deste mês

Nada mais desanimador do que levar seus filhos para curtir um brinquedo e ter que assistir do lado de fora, não é mesmo? (#naocurti). Uma boa novidade que integra papais e crianças, o Sobre as Redes. Lá, os adultos, crianças e adolescentes poderão escalar em uma estrutura toda coberta com redes trançadas e com dois níveis. O andar mais alto chega a 6 metros de altura. Fomos conferir se o brinquedo é bacana e se vale a pena se aventurar:

+ Cinco motivos para conhecer o Borboletário

  • Expectativa: subir como Tarzan
  • Realidade: “isso não vai acabar com minha coluna?”

Os primeiros passos (que incluem escalar uma pequena rampinha de redes trançadas) são bem incertos. Enquanto as leves e saltitantes crianças tiram de letra o desafio, você pode preferir ficar um pouco sentado, ou andar de braços abertos para dar aqueeela equilibrada. Mas isso é só o começo.

+ Virada Cultural é ampliada e terá Gaby Amarantos, Valesca e Ney Matogrosso

  • Expectativa: caminhar como um profissional
  • Realidade: “eu vou acabar machucando uma criança sem querer!”

Enquanto seus filhos vão pular e aprontar horrores, você vai implorar que nenhuma criança se movimente perto de você, porque a) você é grande e não tem muito controle do seu corpo nesse momento, b) você pode cair facilmente, c) você está embasbacado como eles conseguem se divertir tanto sozinhos.

redes playground shopping taboão

redes playground shopping taboão

  • Expectativa: em um momento a coragem vem
  • Realidade: a coragem vem mesmo

Em algum momento, você vai entender que é como andar no chão, basta se equilibrar e colocar um pé na frente do outro. Bem fácil. A dica é: quanto mais você se espelhar nas crianças, mais vai brincar com elas. Então se solte!

+ Agora é possível “cair de paraquedas” em plena Marginal Pinheiros

  • Expectativa: agora que eu aprendi, vou chegar no andar de cima rapidinho
  • Realidade: “ai, será que dá?

A passagem para a parte de cima também é feita na base da escalada e por um tubo mais estreito. É difícil, mas dá. Os pequenos se esgueiram facilmente e chegam a parte mais alta bem rapidinho. Para sair de lá basta descer por um divertido escorregador (que os adultos também podem passar, eba!).

  • Expectativa: vai ser tranquilo, vou ficar entediado
  • Realidade: “quantas calorias isso gasta?”

Sim, você vai sair cansado. Depois de colocar seus filhos em cima de balanços, brincar, correr, pular e tudo mais (além de subir e descer no playground, claro) bate uma canseira, sim. Vale o passeio, principalmente porque tem cara de novidade e um precinho bem convidativo: 10 reais por 10 minutos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s