Fuja do frio em ambientes bem quentinhos

Confira uma lista de endereços que possuem lareiras, aquecedores ou disponibilizam mantas para os clientes

Para enfrentar as últimas semanas de inverno, selecionamos endereços que possuem lareiras ou aquecedores para um jantar reconfortante. Na pizzaria  Bráz Quintal, por exemplo, a área ao ar livre possui diversos aquecedores. Confira nossa seleção:

+ Receitas que combinam com os dias frios

+ Bares quentinhos e aconchegantes para curtir no inverno

+ Restaurantes ofecerem fondue durante o inverno

Attimo: Depois da saída do chef Jefferson Rueda, é Francisco Pinheiro quem toca a cozinha. Aos poucos, vão surgindo novos pratos como o tomate em duas texturas, um purê da hortaliça assada coberto por fatias de tomatinhos e mussarelinha de búfala, além de um toque de pesto (R$ 42,00). Algumas sugestões que caíram nas graças da clientela foram mantidas. É o caso da paleta de cordeiro com tagliatelle (R$ 95,00).

Bráz: está entre as cinco melhores pizzarias da cidade, segundo o júri da edição especial do “Comer & Beber” 2012-2013. Sabores como a clássica napolitana (alho cru fatiado, parmesão e manjericão; R$ 69,00) explicam o feito. No inverno, a unidade de Moema deixa ligada sua lareira elétrica nos dias mais frio.

 

Cantaloup: dedicado à culinária contemporânea, oferece entradas criativas como o peito de pato (R$ 87,00) malpassado e com sal na medida exata. No pátio, uma espécie de jardim de inverno, amplo e iluminado, é aquecido por uma lareira no almoço e no jantar.

Le Vin: no inverno, a unidade dos Jardins disponibiliza mantas para os clientes que ocupam a área externa, que possui ainda aquecedores elétricos. No menu, clássicos franceses como o arroz de pato, que tem uma exuberância de ingredientes como azeitona verde e linguiça por cima. 

Era Uma Vez Um Chalezinho: especializado em fondues e pratos invernais, o restaurante aquece seu romântico ambiente com duas lareiras, acesas todas as noites, uma em cada salão. A dica é chegar cedo para sentar-se próximo ao fogo. Além disso, aquecedores alimentados por gás e carvão são espalhados pela área externa. O rodízio de fondue, com três receitas salgadas (carne, frango e queijo) e uma doce, custa R$ 134,00 por pessoa.

Bráz Quintal: no arborizado quintal, área mais agradável da casa, aquecedores elétricos  e uma lareira espantam o frio. Do menu cai bem a pizza da vila (presunto cru, mussarela e alho-poró; R$ 72,00) e para o lado de fora a barra speciale (burrata em lascas, tomate picado e azeitona preta sobre mussarela; R$ 79,00), que aparece em formato especial.

Praça São Lourenço: uma lareira, acesa no almoço e no jantar, aquece o salão desse restaurantes, que possui uma agradável área externa, cercada por árvores e muito verde. Nos fins de semana, a casa opera em sistema de bufê. No jantar, faz apenas sugestões à la carte, entre elas, lombo de cordeiro enrolado em finos fios de batata e mini arroz com cogumelos frescos, quiabo tostado e abóbora laqueada (R$ 78,00).

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s