Violência aquece mercado de câmeras de monitoramento

O medo de novos ataques de bandos criminosos turbinou o mercado de câmeras de monitoramento na cidade. De acordo com a RCI First Consultoria de Segurança, desde maio a média de instalação mensal desses equipamentos saltou de 3 000 para 10 000 unidades. Das 770 000 câmeras espalhadas por São Paulo, só 6,7% são públicas. A maioria é comercial (61,3%) ou residencial (32%).

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s