Tinta começa a descascar e grafites reaparecem na 23 de Maio

Prefeitura declarou que não pretende pintar novamente o muro e que aguarda para receber mudas de plantas e se tornar um jardim vertical

Os grafites cobertos por tinta cinza há cerca de três meses começaram a reaparecer na Avenida 23 de Maio, na Zona Sul. Isso porque o revestimento começou a descascar no trecho entre o Parque o Ibirapuera e o centro, deixando à mostra partes dos desenhos coloridos que estavam ali até o início do ano.

Segundo a gestão, a tinta utilizada para cobrir os grafites foi doada por empresas privadas e, por isso, não é possível estimar o valor gasto para mudar a paisagem da avenida.

Na época, a medida da gestão João Doria gerou polêmica e até mudança de planos da prefeitura, que voltou atrás e considerou a nova paisagem “muito cinza”. O plano agora é transformar a 23 de Maio em um “jardim vertical”, cobrindo os muros da via com 251 mil mudas de plantas de mais de 30 espécies. 

O jardim começou a ser construído em março, com a instalação da folhagem e de um sistema de irrigação na altura do viaduto Tutoia. Justamente por isso, a prefeitura disse que não pretende pintar novamente os muros – o cinza descascado deve continuar ali até receber as mudas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s