Teatro de Arena reabre as portas

Um dos cenários da efervescência cultural da São Paulo dos anos 50 e 60, o Teatro de Arena se preparava, em 1958 (acima), para a estréia da peça Eles Não Usam Black-Tie, sucesso de Gianfrancesco Guarnieri. Cinqüenta anos e dois fechamentos depois, a histórica e desconfortável casa de espetáculos do centro – rebatizada Teatro de Arena Eugênio Kusnet (tel: 3256-9463) – reabre as portas para o público na sexta (28) com uma nova montagem de Chapetuba Futebol Clube, de Oduvaldo Vianna Filho, que foi exibido pela primeira vez logo depois de Black-Tie. “É uma alegria voltar ao Arena, agora reformado, e com uma história tão atual”, diz o diretor José Renato, fundador do teatro, em 1953, e ator na versão de Chapetuba em 1959.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s