Paulistanos que tatuaram o amor pela cidade

A história de oito apaixonados pela capital que escolheram uma maneira nada tradicional para homenageá-la

Para celebrar os 462 anos da cidade, VEJA SÃO PAULO conversou com oito paulistanos que escolheram uma maneira nada tradicional de homenagear a cidade onde nasceram. Faça um passeio pelo Masp, Copan, Viaduto Santa Ifgênia, Edifício Altino Arantes e outros cartões-postais no corpo de pessoas que eternizaram em tatuagens suas memórias e paixões vividas na cidade. Clique aqui para conferir o nosso especial.

São Paulo 462 anos: Paulistanos que Tatuaram a Cidade

São Paulo 462 anos: Paulistanos que Tatuaram a Cidade

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s